Governo prepara plano de emergência para a greve dos motoristas de matérias perigosas

  • ECO
  • 18 Julho 2019

O Governo está a preparar uma rede de abastecimento de combustíveis de emergência para a greve dos motoristas, marcada para 12 de agosto.

O Governo já tem na manga uma solução para a greve dos motoristas de matérias perigosas marcada para 12 de agosto. A ser preparada está uma rede de abastecimento de combustíveis de emergência, revelou o secretário de Estado da Energia, em entrevista à TSF.

“Estamos a criar as condições para, se necessário, montar um sistema logístico alternativo de distribuição de combustíveis no caso de não haver o cumprimento de serviços mínimos“, revelou João Galamba, explicando o tipo de resposta que vai ser dado caso a greve aconteça.

Por outro lado, acrescentou, “o Governo estará a trabalhar na definição de serviços mínimos e, se acontecer algo semelhante ao que aconteceu na última greve, ter no terreno um dispositivo que identifica os abastecimentos prioritários, os postos que têm de ser abastecidos, os circuitos que abastecem esses postos bem como a necessidade de motoristas para garantirem esse mesmo abastecimento“, sublinha.

Confrontado com a situação do Algarve, que não tem Gasoduto de Gás Natural e cuja população cresce exponencialmente durante o mês de agosto, o responsável da pasta da Energia prometeu que estão a ser criadas “condições para que o abastecimento do Algarve esteja garantido”. “Há abastecimentos de gás no Algarve que são prioritários. Estamos a criar as condições para que esses abastecimentos, mesmo num cenário de greve e de quebra dos serviços mínimos, sejam garantidos”.

Sobre o papel da Entidade Nacional para o Setor Energético (ENSE) durante esta paralisação, João Galamba adiantou que esta vai assegurar a segurança do abastecimento de combustíveis. “Há procedimentos internos por parte da ENSE que gere a Rede de Emergência de Postos de Abastecimento que depois se articula com as forças de segurança e, obviamente, há um acompanhamento muito próximo de vários membros do Governo da área da Energia, Transportes e Administração Interna”, rematou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Governo prepara plano de emergência para a greve dos motoristas de matérias perigosas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião