É possível imaginar o mundo sem luxo?

Gilles Lipovetsky dá-nos uma aula de filosofia em forma de entrevista. O filósofo esteve em Lisboa para uma conversa com a artista plástica Joana Vasconcelos sobre Luxo, Moda e Arte.

O reputado filósofo e sociólogo francês Gilles Lipovetsky, membro do Conseil d’Analyse de la Société, órgão consultivo do primeiro-ministro francês, e autor de várias obras sobre a sociedade contemporânea, esteve em Lisboa, desta vez para falar sobre a dimensão estética que une o Luxo, a Moda e a Arte. “Temas considerados por muitos marginais, mas a que Lipovetsky se dedica desde os anos 80, sem julgamentos morais” começou por dizer Mónica Seabra Mendes, diretora do Programa Executivo de Gestão do Luxo da Católica Lisbon, que organizou o encontro.

No Atelier de Joana Vasconcelos, o autor de 15 livros traduzidos em 20 línguas, falou-nos sobre o futuro do luxo e aquilo a que chama de “Capitalismo Artístico”.

Para Joana Vasconcelos, “o luxo é uma necessidade do ser humano, que não pode existir sem luxo, sem beleza, sonho ou sedução”, disse a artista plástica que foi ilustrando a conversa com várias imagens das suas obras.

 

 

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

É possível imaginar o mundo sem luxo?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião