EcoolHunter

“Através de novos ideais, produtos ou serviços, vamos viver em 2019 com mais estímulos à autorreflexão e a iniciativas que nos ajudam a desconectar do mundo digitalmente saturado”.

Há uma nova geração de leilões a pensar nos consumidores digitais.. Em maio deste ano, aconteceu a primeira venda de cultura urbana do mundo e com foco nos “art-lennials”.