Velhice de portugueses tem pior qualidade que a dos europeus

  • ECO Seguros
  • 3 Outubro 2019

A MDS reuniu em seminário seguradoras de saúde e especialistas em envelhecimento no âmbito das ciências sociais, médicas e das neurociências. As verdades não são brilhantes.

Os portugueses vivem, em média, tempo semelhante aos outros europeus, cerca de 20 anos para além dos 65, mas vivem mais de metade desse tempo com alguma deficiência, abaixo da qualidade de vida média da União Europeia e bastante menos tempo que os dinamarqueses, cujo tempo acrescido de vida é na sua maioria passado de boa saúde.

Paula Rios foi moderadora pela MDS, no painel que também juntou Maria João Valente Rosa, Luísa Lopes e Joana Neves.

Esta é uma das principais conclusões divulgadas por Maria João Valente Rosa, demógrafa e professor da Universidade Nova, no painel inaugural do seminário “Saúde & Longevidade – Os desafios da Saúde numa sociedade envelhecida”, organizado pela corretora MDS.

Num segundo painel as investigadoras Joana Neves e Luísa Lopes, ambas do Instituto de Medicina Molecular João Lobo Antunes, expuseram o estado da arte da investigação quanto a envelhecimento humano, revelando as enormes dificuldades de progressão nesta área, apesar da enorme investigação que existe a nível público, privado e universitário em todo o mundo. A procura dirige-se a encontrar alguma forma de regenerar células, ou pelo menos atrasar a sua degenerescência, deixando entender – as investigadoras – que a descoberta de uma medicação realmente eficaz ainda está longe de acontecer.

No painel final existiu debate entre as três principais operadoras de saúde em Portugal: a AdvanceCare, a Médis e a Multicare.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Velhice de portugueses tem pior qualidade que a dos europeus

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião