Blockchain chega aos seguros médicos com a Samsung

  • ECO Seguros
  • 23 Outubro 2019

A empresa acredita que a rede reduzirá a carga de trabalho nas instituições médicas, o tempo de espera para o processamento de solicitações e o custo do processamento destas solicitações até 70%.

A Samsung, através da sua consultora de tecnologia Samsung SDS, deve iniciar este mês, na Coreia do Sul, um sistema de processamento de reembolsos médicos com base no blockchain.

O vice-presidente da Samsung SDS afirmou durante o Blockchain Seoul 2019 que seguradoras e instituições médicas participaram num teste piloto para validar o funcionamento do sistema.

O objetivo do projeto é simplificar todo o processo e a empresa acredita que a rede reduzirá a carga de trabalho nas instituições médicas, o tempo de espera para o processamento de solicitações e o custo do processamento destas solicitações até 70%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Blockchain chega aos seguros médicos com a Samsung

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião