Zurich dá 10 dicas para aumentar as poupanças

  • ECO Seguros
  • 28 Outubro 2019

A companhia suíça quer facilitar a vida ao público explicando o essencial e ainda oferece um simulador para o público poder ter uma ideia aproximada do valor da sua reforma.

A Zurich Portugal está a dar um conjunto de sugestões a propósito do Dia Mundial da Poupança que se assinala esta quinta-feira, dia 31 de outubro.

Aqui ficam as dez dicas:

Faça um orçamento familiar identificando todos os gastos correntes e não correntes, bem como oportunidades de poupança.

Defina um objetivo de aforro real, tanto do ponto de vista temporal, como de montante.

Estabeleça um compromisso de poupança regular.

Reserve essa quantia no momento em que recebe o seu rendimento.

Para uma poupança mais eficaz, procure uma solução de aforro junto de entidades especializadas, por exemplo, um segurador ou banco.

Compare as diferentes soluções existentes no mercado – Seguros de Poupança, Seguros de Investimento, Plano Poupança Reforma (PPR) – e analise a que melhor se adapta ao seu perfil de risco.

Tenha em atenção:

  • A taxas de rentabilidade dos produtos;
  • A garantia da totalidade dos montantes entregues;
  • Os encargos de gestão dos produtos;
  • O enquadramento fiscal;
  • As condições de reembolso, antecipado ou não, dos montantes entregues ou da poupança.

Tenha presente que os PPR têm benefícios fiscais e oferecem a possibilidade de capitalização de juros.

As contas poupança permitem o reforço regular da “carteira”, bem como o reembolso do valor acumulado em qualquer período.

Para saber quanto vai receber na sua reforma a Zurich oferece um simulador.

A companhia afirma ainda que os seguros de poupança ou investimento são soluções simples e flexíveis que funcionam como uma rede de proteção financeira em caso de necessidade de reorganizar a normalidade da vida face a imprevistos que surjam, como por exemplo, a incapacidade para o trabalho ou doenças graves.

O montante de poupança e investimento é de livre escolha, o modo de pagamento pode ser feito através de entregas únicas, esporádicas ou regulares e o montante acumulado pode ser utilizado sempre que necessário.

Em Portugal, onde está presente há mais de cem anos anos, a Zurich comercializa contratos de seguro de poupança ou investimento ligados a fundos de investimento, próprios e através de entidades bancárias. Conta com cerca de 500 colaboradores, 19 escritórios próprios e uma rede de mais de 2.500 Agentes de Seguros que servem mais de 620 mil clientes.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Zurich dá 10 dicas para aumentar as poupanças

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião