Martifer encaixa 23,5 milhões com venda de seis centrais fotovoltaicas espanholas à Finerge

Centrais fotovoltaicas geram anualmente cinco milhões de euros em receitas. Com este negócio, a Finerge fecha 2019 com quatro aquisições, sendo que esta foi a primeira fora de Portugal.

A Martifer vendeu seis centrais fotovoltaicas em Espanha à Finerge, num negócio que implica o encaixe financeiro de 23,5 milhões de euros. A energética de Pedro Norton quer usar os ativos, que geram anualmente cinco milhões de euros em receitas, agora comprados para internacionalizar.

A Martifer “informa sobre a alienação de 100% da Martifer Renovables, ETVE, S.A., detentora de seis centrais fotovoltaicas em Espanha (situadas em Huelva, Salamanca e Sevilha), as quais em conjunto dispõem de uma capacidade instalada de 8,1 MWp”, anunciou em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

O preço de venda (equity value) de 100% das ações da sociedade Martifer Renovables, ETVE, S.A., ascendeu a 23,5 milhões de euros. “Esta alienação insere-se na estratégia do grupo de rotação de ativos, cristalização de valor, redução da dívida e reforço da estrutura de capitais próprios”, acrescentou.

Do lado da Finerge, o presidente executivo Pedro Norton afirmou que “a entrada em Espanha era algo natural”, acrescentando que “o crescimento internacional da empresa sempre esteve na nossa estratégia e este é o primeiro passo.

Com este negócio, a Finerge fecha 2019 com quatro aquisições, sendo que esta foi a primeira fora de Portugal. O grupo de energia eólica, que passa a ter uma produção anual estimada conjunta de 2.400 GWh, tem um total de 45 parques eólicos, em Portugal, e seis centrais solares fotovoltaicos em Espanha, com uma capacidade total instalada de 1049 MW.

(Notícia atualizada às 17h50)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Martifer encaixa 23,5 milhões com venda de seis centrais fotovoltaicas espanholas à Finerge

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião