DS Seguros Fundão reabre portas apoiando clientes no período de pandemia

  • ECO Seguros
  • 26 Maio 2020

A agência DS SEGUROS Fundão completou dois anos de atividade a 15 de maio, assinalando a marca de 1800 clientes.

“Temos uma equipa de profissionais disponível para apoiar particulares e empresas a atravessar a pandemia da melhor maneira possível, com as melhores soluções do mercado,” afirmam Catarina Mesquita e Nuno Lobo, diretores da DS SEGUROS Fundão.

“O nosso compromisso para com a cidade do Fundão e a nossa região tem sido a prestação de um serviço de aconselhamento gratuito e isento, com o qual conseguimos melhorar as condições da carteira dos nossos clientes ao nível das coberturas, mas também dos prémios pagos”, salienta a empresa em comunicado.

Agora, “no contexto da pandemia que assola Portugal e o mundo”, a agência da rede Decisões e Soluções no Fundão “voltou a estar de portas abertas, recebendo os clientes por marcação, cumprindo todas as orientações da Direção Geral de Saúde e mantendo uma resposta 100% eficaz aos seus clientes, através do e-mail, telefone e online”, refere a nota.

A DS SEGUROS Fundão opera atualmente com uma equipa de 12 colaboradores “que asseguram cobertura a nível nacional e um serviço de aconselhamento especializado e independente na área da mediação de seguros, gratuito, cujo objetivo é ajudar os seus clientes a terem os seguros que mais se adequam às suas necessidades”, reafirma.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

DS Seguros Fundão reabre portas apoiando clientes no período de pandemia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião