Primeiro cheque para a TAP chega na próxima semana

  • ECO
  • 15 Julho 2020

Esta primeira tranche da injeção estatal permitirá à TAP fazer face ao pagamento de salários a trabalhadores e a compromissos com fornecedores.

Depois de terem falhado as negociações para as condições associadas ao empréstimo estatal, o Governo chegou a um acordo com os acionistas privados que levou à saída de David Neeleman. Este passo permitiu desbloquear a injeção de 1.200 milhões de euros na companhia aérea, altamente penalizada pela crise pandémica, dinheiro que será colocado na empresa em tranches, com a primeira a chegar na próxima semana.

De acordo com o Jornal de Negócios (acesso pago), no final da semana passada toda a documentação para a compra da posição de Neeleman na TAP ficou fechada, abrindo a porta para que ainda esta semana sejam formalizadas as assinaturas. Depois, pode arrancar a injeção.

A empresa prepara-se para receber uma primeira injeção no valor de 250 milhões de euros já na próxima semana. Esta primeira tranche permitirá à TAP fazer face ao pagamento de salários a trabalhadores e a compromissos com fornecedores.

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Primeiro cheque para a TAP chega na próxima semana

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião