Empresa da família de governante fatura dois milhões de euros com Estado

  • ECO
  • 13 Setembro 2020

Uma empresa da família do secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, fez contratos com o Estado no valor de dois milhões de euros.

A empresa da família do secretário de Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, faturou cerca de dois milhões de euros com o Estado entre 2016 e julho de 2020, de acordo com o Correio da Manhã deste domingo, que diz que o secretário de Estado e o ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, são amigos desde os tempos em que o primeiro era autarca em Matosinhos.

De acordo com o CM, o portal dos contratos públicos, o Portal Base, revela que a empresa, que se chama Território XXI, fez um total de 39 contratos com entidades públicas, no valor de quase dois milhões de euros. Deste total, 955 mil euros referem-se a três contratos — dois deles em parceria com outra empresa — realizados com entidades do Ministério do Ambiente: Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), em 2017 e 2019, e Agência Portuguesa do Ambiente (APA), em 2017.

A empresa, que foi criada em dezembro de 2015, pertence à mulher do secretário de Estado (10% do capital) e à mãe da mulher (55% do capital), e atua na área do ambiente e ordenamento do território. Eduardo Pinheiro informou o Parlamento, no registo de interesses, da quota da mulher nessa empresa, como prevê a lei, mas não é referida a participação da mãe da mulher.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Empresa da família de governante fatura dois milhões de euros com Estado

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião