Médis abre clínica no Almada Fórum

  • ECO Seguros
  • 29 Setembro 2020

Com o novo espaço instalado no centro comercial de Almada, a prestadora de serviços pessoais de saúde soma quatro clínicas inauguradas nos últimos três meses.

A Clínica Médis acaba de inaugurar, no centro comercial Almada Fórum, o seu oitavo espaço na área de cuidados de saúde oral. À semelhança das anteriores, a Clínica Médis Almada “apresenta uma proposta de valor inovadora assente numa experiência de Cliente diferenciadora e em cuidados de saúde de elevada qualidade”, salienta um comunicado da empresa do grupo Ageas Portugal.

Segundo Rúben São Marcos, diretor geral da Clínica Médis, “a abertura de mais uma Clínica, a quarta num espaço de três meses, é um marco importante no nosso plano de expansão. Se tivermos em conta os desafios resultantes dos tempos que estamos a viver, esta é também uma prova do compromisso em manter o nosso plano de aberturas e de expansão da marca Clínica Médis a nível nacional”.

A aposta na vertente digital “continua a ser um dos principais focos na área privada de cliente é possível aceder ao histórico clínico, planos de tratamento e aceder às próximas consultas, entre outras funcionalidades”, explica a Médis.

“Estamos também focados em garantir todas as medidas de higiene e segurança necessárias, e que nos permitam continuar a estar próximo de todos, oferecendo os melhores cuidados de saúde em segurança,” realçou o responsável da companhia.

A Clínica Médis “adotou todos os procedimentos necessários para garantir a segurança dos pacientes e profissionais de saúde, seguindo as orientações da Direção Geral de Saúde e Ordem dos Médicos Dentistas,” assegura a empresa.

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Médis abre clínica no Almada Fórum

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião