Programa Alimentar Mundial da ONU vence Prémio Nobel da Paz

O Comité Norueguês do Nobel atribuiu o Prémio Nobel da Paz 2020 ao Programa Mundial Alimentar da Organização das Nações Unidas (ONU).

O Programa Alimentar Mundial da Organização das Nações Unidas (ONU) venceu o Prémio Nobel da Paz 2020, anunciou o Comité Norueguês do Nobel.

A distinção foi atribuída pelo “esforço” desta instituição “na luta contra a fome”, mas também pela sua “contribuição para a melhoria das condições de paz em áreas afetadas por conflitos e por “servir de força motora dos esforços para prevenir o uso da fome como arma de guerra em conflitos”.

Laureado com o conceituado Nobel da Paz, o Programa Alimentar Mundial é assim distinguido pela assistência alimentar prestada a milhões de pessoas em todo o mundo, inclusive durante a atual crise pandémica. “A necessidade de solidariedade internacional e cooperação multilateral é mais conspícua do que nunca”, aponta o Comité num comunicado.

O Comité Norueguês do Nobel, que atribui o Nobel da Paz — os restantes prémios Nobel são atribuídos pela Academia Sueca –, explica que o Programa Alimentar Mundial “é a maior organização humanitária do mundo a encarar a fome e a promover a segurança alimentar”. “Em 2019, o Programa Alimentar Mundial deu assistência a perto de 100 milhões de pessoas em 88 países que são vítimas de insegurança alimentar aguda e fome”, acrescenta.

“A pandemia do coronavírus contribuiu para um forte aumento no número de vítimas de fome no mundo. Em países como o Iémen, a República Democrática do Congo, Nigéria, Sudão do Sul e Burkina Faso, a combinação de conflitos violentos e a pandemia levou a um aumento dramático no número de pessoas a viverem à beira da morte por fome”, aponta também o Comité.

A atribuição deste prémio surge numa altura em que o Comité reconhece que “o mundo está em perigo de viver uma crise de fome de proporções inconcebíveis se o Programa Alimentar Mundial e outras organizações de assistência alimentar não receberem a ajuda financeira que requereram”.

(Notícia atualizada pela última vez às 10h26)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Programa Alimentar Mundial da ONU vence Prémio Nobel da Paz

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião