Ageas quer recrutar 300 consultores para a rede Private

  • ECO Seguros
  • 18 Novembro 2020

A seguradora pretende reforçar equipa comercial de consultores focados no aconselhamento e apoio personalizado de pessoas e empresas. Assegura apoio financeiro e individual nos primeiros dois anos.

A Ageas Seguros está a recrutar novos consultores, nas regiões de Lisboa, Porto e Coimbra, para a sua Rede Comercial Private, anunciou a companhia afirmando tratar-se de “oportunidade única para quem tem um espírito empreendedor e procura um novo desafio numa equipa jovem, dinâmica e com uma performance de topo”.

Gustavo Barreto, Diretor de Distribuição e Marketing da Ageas Seguros, refere: “No atual contexto pandémico, a Ageas Seguros sente que há uma maior necessidade de um aconselhamento e apoio personalizado, adaptado às necessidades de cada pessoa e de cada empresa. Este reforço da rede Private é mais um passo para o foco no Cliente e para um mundo de soluções à medida de cada um.”

A Private, uma rede comercial com 20 anos de existência no mercado “e uma referência nacional na venda consultiva, é composta por uma equipa de consultores, focada no aconselhamento personalizado e vocacionada para apresentar as soluções adequadas às necessidades de cada cliente”, explica um comunicado da organização.

Ambicionando alcançar um total de 300 Consultores, a seguradora assegura apoio financeiro e individual nos primeiros dois anos. As candidaturas à função podem ser concretizadas através da página eletrónica dedicada a carreiras .

Quanto vale uma notícia? Contribua para o jornalismo económico independente

Quanto vale uma notícia para si? E várias? O ECO foi citado em meios internacionais como o New York Times e a Reuters por causa da notícia da suspensão de António Mexia e João Manso Neto na EDP, mas também foi o ECO a revelar a demissão de Mário Centeno e o acordo entre o Governo e os privados na TAP. E foi no ECO que leu, em primeira mão, a proposta de plano de recuperação económica de António Costa Silva.

O jornalismo faz-se, em primeiro lugar, de notícias. Isso exige investimento de capital dos acionistas, investimento comercial dos anunciantes, mas também de si, caro leitor. A sua contribuição individual é relevante.

De que forma pode contribuir para a sustentabilidade do ECO? Na homepage do ECO, em desktop, tem um botão de acesso à página de contribuições no canto superior direito. Se aceder ao site em mobile, abra a 'bolacha' e tem acesso imediato ao botão 'Contribua'. Ou no fim de cada notícia tem uma caixa com os passos a seguir. Contribuições de 5€, 10€, 20€ ou 50€ ou um valor à sua escolha a partir de 100 euros. É seguro, é simples e é rápido. A sua contribuição é bem-vinda.

António Costa
Publisher do ECO

5€
10€
20€
50€

Comentários ({{ total }})

Ageas quer recrutar 300 consultores para a rede Private

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião