Duração dos projetos do Adaptar prorrogados para nove meses

  • ECO
  • 27 Novembro 2020

Governo aprovou a prorrogação da duração máxima da execução dos projetos do programa Adaptar de seis para nove meses.

O Governo aprovou a prorrogação da duração máxima da execução dos projetos do programa Adaptar de seis para nove meses, a contar da data de notificação da decisão favorável, foi anunciado.

“Face à evolução da situação epidemiológica e à adoção de novas medidas e restrições com vista à prevenção e resposta à pandemia, o Governo aprovou a prorrogação da duração máxima de execução dos projetos apoiados no âmbito do Programa Adaptar“, refere o comunicado do Conselho de Ministros.

A duração máxima da execução dos projetos do Adaptar passa, assim, “de seis para nove meses a contar da data de notificação da decisão favorável”, anunciou a ministra da presidência, Maria Vieira da Silva, em conferência de imprensa após a reunião.

O programa Adaptar, criado em maio, visa apoiar as empresas no esforço de adaptação e de investimento nos seus estabelecimentos, ajustando os métodos de organização do trabalho e de relacionamento com clientes e fornecedores às novas condições do contexto da pandemia Covid-19.

O Adaptar foi lançado em maio, sendo que em junho surgiu o Adaptar 2.0 com mais 50 milhões de euros destinados a auxiliar e estimular micro e PME a atualizar e remodelar os seus estabelecimentos comerciais. Estas verbas, que agora podem ser aplicadas por um período mais longo de tempo, permitirão a estas empresas adaptarem-se ao contexto pandémico, mas também ajuda na modernização dos espaços.

(Notícia atualizada às 15h39 com mais informação)

Apoie o jornalismo económico independente. Contribua

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. O acesso às notícias do ECO é (ainda) livre, mas não é gratuito, o jornalismo custa dinheiro e exige investimento. Esta contribuição é uma forma de apoiar de forma direta o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo rigoroso e credível, mas não só. É continuar a informar apesar do confinamento, é continuar a escrutinar as decisões políticas quando tudo parece descontrolado.

Introduza um valor

Valor mínimo 5€. Após confirmação será gerada uma referência Multibanco.

Comentários ({{ total }})

Duração dos projetos do Adaptar prorrogados para nove meses

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião