Morreram mais 221 pessoas por Covid-19, um novo recorde. Há 13.544 novos casos

Desde o início da pandemia já 595.149 pessoas ficaram infetadas, das quais 9.686 morreram.

O número de óbitos diários aumenta pelo quinto dia consecutivo. Morreram mais 221 pessoas por Covid-19 em Portugal, um novo recorde. Desde o início da pandemia já morreram 9.686 pessoas. O boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS) mostra ainda 13.544 novos casos, elevando o total para 595.149.

A maioria das pessoas que morreram encontrava-se na região de Lisboa e Vale do Tejo (85). No Centro morreram 59 pessoas, No Norte 53, no Alentejo 16 e no Algarve 8. Nas últimas 24 horas não foram registados óbitos por Covid-19 nas regiões autónomas.

Lisboa e Vale do Tejo foi também a região onde se registou mais novos casos, mais especificamente 5.401. No Norte foram confirmados 4.510 infetados, no Centro 2.539, no Alentejo 638, no Algarve 355, na Madeira 78 e nos Açores 23.

Boletim de 21 de janeiro

No total, já 434.237 pessoas recuperaram da doença provocada pelo SARS-Cov-2, mais 5.873 do que no dia anterior. Ainda assim, o número de casos ativos continua a aumentar e ultrapassou pela primeira vez os 150 mil. Há 151.226 casos ativos, mais 7.450 que na quarta-feira.

O boletim epidemiológico dá conta de mais 8.866 pessoas sob vigilância ativa das autoridades de saúde, depois de terem contactado com outro caso positivo. No total, estão 192.900 pessoas nesta situação.

(Notícia atualizado pela última vez às 14h31)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Morreram mais 221 pessoas por Covid-19, um novo recorde. Há 13.544 novos casos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião