Regresso das aulas online esgota stocks de portáteis

  • ECO
  • 5 Fevereiro 2021

Metade dos portáteis no mercado já não estão disponíveis ou estão com entrega demorada devido à elevada procura.

O regresso do ensino à distância provocou uma corrida aos computadores portáteis e em muitas lojas, neste momento, dificilmente se encontram portáteis disponíveis para entrega imediata, avança o Público (link indisponível).

Com as autarquias a encomendarem centenas de equipamentos diretamente nos distribuidores, o problema agravou-se com alguns estabelecimentos das principais cadeias de retalho, sobretudo nas maiores zonas urbanas, numa situação de rotura de stocks.

Paulo Pimenta, responsável do site KuantoKusta, adianta ao jornal que 50% dos portáteis no mercado já não estão disponíveis ou estão com entrega demorada devido à elevada procura que se sentiu nas últimas semanas. Por causa disso, a faixa de preço mais procurada pelas famílias subiu para os 850 a 1.000 euros.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Regresso das aulas online esgota stocks de portáteis

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião