Direita ultrapassa PS com ajuda da Iniciativa Liberal

  • ECO
  • 1 Março 2021

Partidos da direita, todos juntos, chegam perto dos 40% de intenções voto, superando os 37,6% do PS.

O PS está a perder peso nas intenções de voto dos eleitores em Portugal, tendo sido ultrapassado pela direita, segundo revela uma sondagem da Aximage para o Diário de Notícias, Jornal de Notícias e TSF (acesso livre). O PSD manteve-se inalterado, mas a subida da Iniciativa Liberal ajudou a impulsionar a direita.

O PS de António Costa acolhe 37,6% dos votos, numa reação ao descontrolo da pandemia em janeiro. Já o PSD estagna nos 26,5% e o CDS continua a descer e conta com apenas 0,8%. Se as eleições fossem agora, os socialistas continuavam a ser os mais prováveis vencedores, mas os números revelam uma mudança de tendência. A Iniciativa Liberal sobe para 5,7%, colocando a direita próxima dos 40% (mais cinco pontos percentuais do que em outubro).

O Chega contrariou e caiu 10 pontos percentuais para 6,5%, voltando assim a ser ultrapassado pelo Bloco de Esquerda. O partido liderado por Catarina Martins volta a ser a terceira força política, com 7,7% das intenções de voto. A CDU de Jerónimo de Sousa sobe para 5,8% e o PAN para 4%, segundo mostra ainda a sondagem da Aximage para o DN, JN e TSF.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Direita ultrapassa PS com ajuda da Iniciativa Liberal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião