Pure Piraña “mergulha” no mercado português

A Sociedade Central de Cervejas e Bebidas entra no negócio das hard seltzers, acompanhando a tendência das águas gaseificadas com álcool.

É uma das grandes tendências que está a transformar o setor das bebidas, as chamadas hard seltzers, e é a nova aposta em Portugal da Sociedade Central de Cervejas, “depois de um lançamento bem-sucedido e com resultados promissores pelo Grupo Heineken no México e na Nova Zelândia, no último trimestre de 2020” revela Maria Oliveira, diretora de marketing da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas.

Pure Piraña é uma marca global lançada a tempo de refrescar o próximo verão e que acompanha novas tendências de consumo, em particular das novas gerações. “É uma nova alternativa incrivelmente leve e refrescante para o mercado das hard seltzers, criada com água gaseificada, aromas naturais de fruta e com 4,5% de álcool. Em Portugal, estará disponível com dois sabores, limão e frutos vermelhos. Os consumidores podem ainda desfrutar sabendo que é naturalmente vegan-friendly, não tem glúten, é baixa em hidratos de carbono, em açúcar e em calorias” acrescenta a responsável.

Portugal e Áustria serão os primeiros mercados da Europa a lançar este novo produto e a trabalhar a categoria, como resposta à procura crescente por esta tendência, aos quais se juntam ainda este ano a Irlanda, a Holanda, a Espanha e o Reino Unido. “No futuro, a nossa ambição passa por continuar a inovar a Pure Piraña para estarmos alinhados com a tendência, expandir a nossa gama de sabores (a gama conta com nove sabores no total, com três atualmente disponíveis na Europa e 2 em Portugal), entrar em mais mercados mundiais e tornar este produto no preferido dentro da categoria hard seltzer” explica ao Ecoolhunter Maria Oliveira.

Destinada a uma geração moderna de consumidores cada vez mais consciente dos seus hábitos de consumo e de estilo de vida (com 92Kcal e 2grs/açúcar por lata (330ml), posiciona-se como uma alternativa saudável a bebidas alcoólicas doces, e é pensada para os chamados jovens adultos. “Globalmente, estamos a ver cada vez mais consumidores a procurarem uma alternativa alcoólica de baixo teor calórico, frutada mas não doce, resultando no rápido crescimento da categoria hard seltzer. Com Pure Piraña, a Heineken está a usar a sua experiência para trazer uma nova alternativa refrescante, de forma a satisfazer esta mudança nos gostos dos consumidores” acrescenta a responsável.

A comunicação terá para já como prioridade o digital e a intenção de partilhar benefícios funcionais e as características do produto. “A categoria hard seltzer é relativamente nova para os consumidores em geral, apesar de já estar bem estabelecida nos EUA, onde teve origem. Como qualquer nova tendência ou oportunidade no mercado, é provável que sejam disponibilizadas múltiplas ofertas no mercado nacional, o que acaba por ser bom, pois ajuda a construir a categoria e a oferta ao consumidor. Esperamos, acima de tudo, que a categoria continue a crescer rapidamente, com base na energia e no impulso verificado nos últimos anos, e que se desenvolva um forte envolvimento dos consumidores portugueses neste novo produto” conclui.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Pure Piraña “mergulha” no mercado português

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião