Mapfre quer crescer acima da concorrência em Portugal e Espanha este ano

  • ECO Seguros
  • 17 Março 2021

Um plano de ciber resiliência, aposta nos clientes digitais, 6% mais em lucros são objetivos do grupo. No mercado ibérico, a meta da Mapfre é bater o crescimento do mercado e da concorrência.

A Mapfre juntou os acionistas em reunião geral para aprovação das contas do último exercício e lançou as metas de gestão para 2021.

Após resultado líquido de aproximadamente 527 milhões de euros e 658 milhões de euros no lucro operacional em 2020, a seguradora espanhola – que é 13º no ranking do mercado português – pretende encerrar o exercício em curso com lucros superiores a 700 milhões de euros (cerca de 6,4% mais face ao conseguido em 2020), sem considerar elementos extraordinários, apontou Antonio Huertas, presidente da Mapfre.

Segundo noticiou o site Inese.es, a mútua espanhola espera crescer 3% em volume de prémios este ano, orientando a agenda estratégica em torno da implementação do seu “Plano de Ciber-Resiliência”.

Entre os objetivos anunciados, além de ambicionar “crescer mais do que o mercado e do que os principais concorrentes” no espaço ibérico (Portugal e Espanha), a companhia aposta na expansão junto dos clientes digitais, diversificar portefólio e crescer “com mais intensidade no negócio Vida”.

A retenção de clientes em todas as geografias onde está e a aposta em soluções de seguro automóvel “que combinem novas tecnologias e gestão técnica rigorosa,” são outras metas definidas par 2021.

Paralelamente à aprovação das contas do último exercício e das linhas de ação para 2021, a mútua espanhola adiantou que cresceu 2,3% nos dois primeiros meses do ano, totalizando 422 milhões de euros em prémios até final de fevereiro, calculando um rácio combinado de 94,6%.

O grupo Mapfre registou 526,5 milhões de euros de lucros em 2020, um resultado líquido atribuível 13,6% inferior ao de 2019, enquanto as receitas consolidadas recuaram 10,7%, para 25,42 mil milhões de euros.

Em Portugal, onde opera através de duas filiais (Vida e Seguros Gerais), a Mapfre Seguros fechou 2020 com 138,8 milhões de euros em prémios. O negócio em Portugal rendeu perto de 16 milhões de euros de lucros ao grupo espanhol.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mapfre quer crescer acima da concorrência em Portugal e Espanha este ano

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião