Remessas de emigrantes da Suíça superam as de França pela primeira vez

  • ECO
  • 12 Abril 2021

Em 1996, o primeiro ano da série de dados do Banco de Portugal, os valores da Suíça eram cerca de metade do montante do valor de França.

As remessas da Suíça atingiram 1.037 milhões de euros em 2020, um aumento de 4,9% face a 2019. Pela primeira vez, superaram as remessas de França, que totalizaram 1.036,6 milhões, menos 5,2% face ao ano anterior, avança o Público citando dados do Banco de Portugal

Em 1996, o primeiro ano desta série de dados, os valores da Suíça eram cerca de metade do montante do valor de França. O crescimento da Suíça, que tem menos emigrantes portugueses do que França, ocorre num ano em que, no total, o valor de remessas para Portugal diminuiu, uma inversão da tendência registada ao longo da última década. Na terceira posição está o Reino Unido, seguido logo de Angola que viu um grande crescimento e foi responsável por remessas de 245,5 milhões de euros.

Inês Vidigal, do Observatório da Emigração, disse ao Público que a geral descida das remessas “está provavelmente ligada aos efeitos da pandemia, visto que o volume de remessas e de migrações estão fortemente ligadas”. “O aumento do desemprego e da inatividade, em consequência dos confinamentos impostos por muitos países, afeta a capacidade e disponibilidade financeira dos emigrantes para enviarem remessas para Portugal”, explicou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Remessas de emigrantes da Suíça superam as de França pela primeira vez

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião