Fed mantém taxas inalteradas, sem sinal de redução de apoio à economia

  • ECO
  • 28 Abril 2021

A instituição liderada por Jerome Powell desvaloriza evolução da inflação nos EUA, sem dar sinais de redução dos apoios à recuperação económica do país.

A Reserva Federal dos EUA (Fed) deixou esta quarta-feira as taxas de juro inalteradas e manteve o programa de compras de ativos, sem qualquer sinal de que se prepara para retirar o apoio à recuperação económica do país. “A atual crise de saúde pública continua a pesar sobre a economia e os riscos para as perspetivas económicas permanecem“, refere o comunicado da Fed, no final de dois dias de reunião.

A instituição, liderada por Jerome Powell, reconhece que “os indicadores de atividade económica e de emprego estão mais fortes”, mas apesar da “melhoria”, os setores mais afetados pela “pandemia continuam fracos”. A Fed nota ainda que a “economia dependerá significativamente da evolução do vírus, incluindo o progresso nas vacinações” e, por isso, voltou a repetir a lista de condições para retirar o apoio de emergência em vigor durante a pandemia: máximo emprego e “progresso substancial” para a meta da inflação de 2%.

As taxas de juro mantêm-se entre os zero e 0,25% e o programa de compras de ativos continua nos 120 mil milhões de dólares mensais, para “ajudar a promover o funcionamento regular do mercado e condições financeiras acomodatícias, apoiando assim de crédito para famílias e empresas”.

O crescimento do emprego continua a acelerar nos EUA, mas a economia está ainda a 8 milhões de postos de trabalho do nível registado antes da pandemia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Fed mantém taxas inalteradas, sem sinal de redução de apoio à economia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião