Ações dos CTT ganham mais de 10% para máximos de quatro anos

A bolsa de Lisboa está a reagir em alta à apresentação de resultados e a acompanhar o sentimento nas restantes praças. O Stoxx 600 abriu a sessão de sexta-feira num novo recorde.

As ações dos CTT estão a disparar na bolsa de Lisboa, após ter anunciado que os lucros mais do que duplicaram para 8,7 milhões de euros no primeiro trimestre do ano. Animado pela operadora postal, mas também pelo papel, o PSI-20 sobe 0,35% para 5.109,49 pontos, enquanto o Stoxx 600 ganha 0,6% e toca um novo máximo de sempre.

O crescimento nas receitas, impulsionado pelas encomendas, levou a uma expansão na rentabilidade da empresa liderada por João Bento. Em reação, os títulos negoceiam, uma hora após o arranque da sessão, com um ganho próximo de 10,5% para 4,285 euros por ação, no valor mais elevado desde novembro de 2017. Também a Corticeira Amorim reage às contas — neste caso, uma quebra de 19,7% nos lucros para 16 milhões no primeiro trimestre — e sobe 1% para 10,12 euros.

Além das contas, as cotadas mais expostas ao sentimento internacional estão também a impulsionar o índice. No papel e pasta de papel, a Navigator ganha 3,2% para 3,054 euros e a Altri sobe 1,16% para 6,555 euros. A Semapa (que desconta esta sexta-feira o valor do dividendo) avança 1,21% para 11,72 euros.

O BCP valoriza 1,34% para 0,129 euros e a Nos 1% para 3,014 euros. Na energia, o sentimento é misto: a EDP sobe 0,19% para 4,549 euros, mas a a EDP Renováveis cede 0,05% para 18,99 euros. A REN (+1,5%) está também em ex-dividendo. A Galp Energia negoceia flat nos 10,23 euros apesar de o dia estar a ser positivo para o mercado petrolífero.

Fora do PSI-20, o destaque está nas SAD dos maiores clubes portugueses. O Benfica e o Porto empataram no jogo de quinta-feira, deixando o Sporting a apenas uma vitória de conquistar o título nacional de futebol. Em bolsa, não houve ainda reações.

A bolsa de Lisboa está acompanhar o sentimento positivo que se vive por toda a Europa, com a melhoria dos dados económicos que vão sendo conhecidos. Além dos máximos do Stoxx 600, o alemão DAX sobe 1%, o espanhol IBEX 35 avança 0,7% e o francês CAC 40 e o britânico FTSE 100 somam 0,5%.

(Notícia atualizada com cotações referentes às 9h20)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Ações dos CTT ganham mais de 10% para máximos de quatro anos

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião