Desconfinamento continua. Isto é tudo o que muda a 28 de junho

Na segunda fase das novas regras de desconfinamento, os transportes deixam de ter a lotação limitada e já não será necessária marcação nas lojas do cidadão.

O Governo apresentou novas regras sanitárias para as próximas semanas, com a evolução da pandemia e também da vacinação a permitir dar mais alguns passos no desconfinamento. Estão previstas duas fases de relaxamento das medidas, uma que arranca a 14 de junho e outra a 28 de junho, com mudanças no desporto e transportes.

É a 14 de junho vai arrancar a primeira fase das novas regras de desconfinamento, altura em que o teletrabalho deixa de ser obrigatório e os horários dos estabelecimentos são alargados. Já a segunda fase é aplicável entre 28 de junho e até ao fim de agosto, segundo anunciou o primeiro-ministro após a reunião do Conselho de Ministros, esta quarta-feira.

Nesta segunda fase, os novos passos a dar serão:

  • Transportes públicos deixam de ter restrições na lotação (além da natural);
  • Lojas do cidadão passam a funcionar sem marcação obrigatória;
  • No desporto, os escalões profissionais ou equiparados terão outras regras, que serão ainda definidas pela Direção-Geral da Saúde.

Por outro lado, apesar de avançar o desconfinamento, os bares e discotecas e as festas e romarias continuam proibidos, enquanto casamentos e batizados mantêm-se com restrições à lotação.

De sublinhar que a situação no país vai continuar a ser acompanhada pela matriz de risco, que conjunta a incidência do vírus com o índice de transmissibilidade. No entanto, os critérios vão passar “a ter em conta a distinção que existe entre os territórios de baixa densidade e as restantes áreas do território continental”, adiantou António Costa.

Se os concelhos estiverem com níveis de incidência elevados, poderão recuar no desconfinamento. Consoante as avaliações, de mais de 120 casos por 100 mil habitantes (ou 240 no caso dos conselhos de baixa densidade), ou de 240 casos (480 para pequenos concelhos) em duas semanas sucessivas, irão aplicar-se medidas mais restritas.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Desconfinamento continua. Isto é tudo o que muda a 28 de junho

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião