Mais de um quinto das verbas do PRR vão para a construção

  • ECO
  • 8 Junho 2021

Portugal é um dos países europeus que maior percentagem das verbas do PRR planeia dedicar à construção, ficando atrás apenas da Bélgica, Luxemburgo e Dinamarca.

Mais de um quinto das verbas do Plano de Recuperação e Resiliência português vão ser dirigidas para as empresas de construção, avança esta terça-feira o Dinheiro Vivo (acesso livre). Em causa estão 3,4 mil milhões de euros, que fazem deste setor o segundo que mais ganhará com os investimentos planeados até 2026. A análise é do think tank europeu Bruegel e indica que as atividades técnicas, científicas e profissionais serão as principais beneficiárias da “bazuca” europeia.

Na aposta feita na construção, Portugal só fica atrás da Bélgica (que dedica 43,24% das verbas do seu PRR), do Luxemburgo (25,71%) e da Dinamarca (24,48%). Isto já que os tais 3,4 mil milhões de euros representam uma fatia de 20,57% das verbas planeadas, o que reflete a intenção nacional de dedicar uma parte considerável dos fundos disponibilizados pela UE à construção de infraestruturas, como ligações viárias ou ao reforço do parque habitacional

No PRR português, a saúde ocupa uma fatia de 13,31% das verbas, a educação de 11,31% e a Administração Pública de 7,52%, ocupando os lugares de terceiro, quarto e quinto setores mais beneficiados. Ficam à frente, por exemplo, dos transportes e armazenagem (5,81%), mas também da agricultura, florestas e pescas (5,21%) e da indústria (5,17%). Já para a cultura há 1,46% das verbas, sendo Portugal um de apenas cinco países com investimentos que beneficiarão estas atividades.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Mais de um quinto das verbas do PRR vão para a construção

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião