António Alberto Teixeira nomeado presidente da Ibersol

  • Lusa
  • 18 Junho 2021

Para o mandato 2021-2024, foi ainda nomeado para o Conselho de Administração o vice-presidente António Pinto de Sousa, que era até agora presidente.

Os acionistas da Ibersol escolheram esta sexta-feira António Alberto Teixeira para presidente do Conselho de Administração, em assembleia-geral, e nomearam os restantes órgãos sociais do grupo, para o quadriénio 2021 a 2024, segundo um comunicado ao mercado.

Assim, “foi deliberada a aprovação da proposta de eleição dos membros dos órgãos de Administração, Fiscalização, Mesa da Assembleia Geral, Comissão de Vencimentos e Revisor Oficial de Contas para o quadriénio 2021 a 2024”, informa a empresa, na mesa nota, publicada na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Foram ainda nomeados para o Conselho de Administração o vice-presidente António Pinto de Sousa, que era até agora presidente, e os vogais Maria do Carmo Guedes Antunes de Oliveira, Juan Carlos Vazquez-Dodero de Bonifaz e Maria Deolinda Fidalgo do Couto.

A reunião magna aprovou ainda as contas de 2020 e a proposta de aplicação de resultados, das contas individuais “no montante de 2.429.657,37 euros, sendo deliberada a não distribuição de dividendos”, sendo que passam assim a reserva legal 121.482,87 euros e a reservas livres 2.308.174,50 euros.

Foi também deliberado favoravelmente “um voto de louvor e confiança aos órgãos de administração e fiscalização”, bem como a política de remuneração dos membros dos órgãos sociais, “designadamente Conselho de Administração, Conselho Fiscal, Revisor Oficial de Contas, dos membros da Mesa da Assembleia Geral, e demais dirigentes, com reporte ao mantado do quadriénio 2021 a 2024”.

Por outro lado, “foi deliberada a aprovação dos termos da proposta apresentada pelo Conselho de Administração da Sociedade, sobre a aquisição e alienação de ações próprias desta sociedade até ao limite legal de 10%”, e da “proposta do Conselho de Administração sobre a aquisição e/ou detenção de ações representativas do capital social da Sociedade, por sociedades dela direta ou indiretamente dominadas”.

Por fim, a assembleia-geral aprovou “as declarações da Comissão de Vencimentos e do Conselho de Administração relativas ao ano de 2020, sobre a política de remunerações, respetivamente dos órgãos de administração e de fiscalização, e dos demais dirigentes”.

A Ibersol anunciou em maio que obteve um resultado líquido negativo de 55,3 milhões de euros no ano passado, face ao lucro de 17,6 milhões de euros de 2019, devido ao impacto da crise pandémica.

No relatório integrado de gestão enviado à CMVM, a empresa afirma que “os resultados do grupo Ibersol, foram severamente afetados no ano de 2020, pelos efeitos da pandemia”. Os resultados operacionais foram de 50,9 milhões de euros negativos em 2020.

O EBITDA (o resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações) baixou para 43,6 milhões de euros no ano passado, menos 63,6% do que em 2019 (119,5 milhões de euros). A Ibersol detém em Portugal marcas como a Burger King, Pizza Hut, Pans & Company, Miit e Pasta Caffé.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

António Alberto Teixeira nomeado presidente da Ibersol

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião