Aceleração na vacinação traz “condições que serão mais incómodas para quem se vacina”, admite Costa

Primeiro-ministro aponta que será feito um esforço para acelerar a vacinação nas próximas semanas, podendo levar a constrangimentos.

Numa altura em que se multiplicam os relatos de filas para a vacinação contra a Covid-19, o primeiro-ministro admite que o “esforço” que será feito para acelerar o processo levará a “condições que serão mais incómodas para quem se vacina”. Ainda assim, aponta que é um reforço da segurança de todos, nomeadamente para a segunda toma.

O país enfrenta uma quarta vaga da pandemia, o que “exige que aceleremos o processo de vacinação”, sinaliza o primeiro-ministro, em declarações transmitidas pela RTP3. “Vai ser feito um esforço muito grande nas próximas duas semanas, com condições que serão mais incómodas para quem se vacina”, assume.

No entanto, é um processo que “reforçará a segurança de todos, particularmente aqueles que vão ver mais rapidamente alcançada a segunda dose da vacinação”, acrescenta. Costa alerta ainda que a situação “não nos permite distração quanto ao nosso comportamento e o dever que temos de nos proteger e proteger outros”, com medidas como a máscara e distanciamento.

A aceleração do ritmo da vacinação, que conjuga várias formas de marcação atualmente, nomeadamente o autoagendamento, tem causado algumas filas nos centros de vacinação. O coordenador da task-force para o plano de vacinação já tinha admitido esta possibilidade, pedindo mesmo desculpas antecipadamente.

“Eventualmente poderão ocorrer algumas filas indesejáveis, o processo não será tão rápido como o desejável e peço desde já desculpa aos utentes que tiverem de esperar uma hora ou hora meia numa fila, mas é a moeda de troca entre a qualidade do processo pelo ritmo de vacinação e pela urgência. Nesta fase temos de privilegiar a urgência”, disse o vice-almirante Gouveia e Melo.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Aceleração na vacinação traz “condições que serão mais incómodas para quem se vacina”, admite Costa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião