Moedas propõe seguro de saúde para 40 mil idosos de Lisboa

  • ECO Seguros e Lusa
  • 18 Julho 2021

O candidato do PSD quer oferecer um “seguro de saúde base para que possam ter consultas" a pessoas com mais de 65 anos e dificuldades económicas.

Carlos Moedas, em entrevista ao ECO - 03OUT19
Carlos Moedas, candidato à Câmara Municipal de Lisboa pela coligação “Novos Tempos” (PSD/CDS-PP/PPM/MPT/Aliança): “Muitas pessoas não têm dinheiro para os seus medicamentos, não têm dinheiro para ir ao médico, esperam anos por consultas, mas ninguém faz nada”.Hugo Amaral/ECO

O candidato social-democrata à presidência da Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, quer criar um seguro de saúde para pessoas maiores de 65 anos com dificuldades económicas. Esta foi uma das medidas enunciadas pelo cabeça de lista da coligação “Novos Tempos” (PSD/CDS-PP/PPM/MPT/Aliança) à Câmara de Lisboa, durante a apresentação do seu programa eleitoral.

Defendendo que o Estado Social central falhou e que o Serviço Nacional de Saúde (SNS) “não funciona”, Carlos Moedas disse ter um projeto de “Estado Social local” que passa “por ideias muito concretas, sobretudo para aqueles que são mais velhas”.

“Na nossa cidade, temos 140 mil pessoas que têm mais de 65 anos. Essas pessoas estão abandonadas, muitas delas. Muitas não têm dinheiro para os seus medicamentos, não têm dinheiro para ir ao médico, esperam anos por consultas, mas ninguém faz nada”, salientou.

Por isso, ambiciona “oferecer a cada lisboeta” com mais de 65 anos e dificuldades económicas um “seguro de saúde base para que possam ter consultas base, para que possam ter uma teleconsulta, para que possam tratar de temas específicos, como as cataratas, a fisioterapia”.

O candidato estima que a medida abranja cerca de 40 mil lisboetas.

A sessão de apresentação do programa eleitoral de Carlos Moedas contou com a presença do antigo primeiro-ministro Francisco Pinto Balsemão, do ex-líder do PSD Luís Marques Mendes e da ex-líder do CDS-PP Assunção Cristas, a quem o candidato dirigiu um especial agradecimento.

Na corrida à presidência da autarquia foram até agora anunciadas as candidaturas de Fernando Medina (PS), Carlos Moedas (coligação PSD/CDS-PP/PPM/MPT/Aliança), João Ferreira (CDU), Bruno Horta Soares (IL), Nuno Graciano (Chega), Beatriz Gomes Dias (BE), Manuela Gonzaga (PAN), Rui Tavares (Livre), Tiago Matos Gomes (Volt) e João Patrocínio (Ergue-te).

As eleições autárquicas estão marcadas para 26 de setembro.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Moedas propõe seguro de saúde para 40 mil idosos de Lisboa

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião