Energia e Jerónimo Martins dão gás à bolsa de Lisboa. PSI-20 sobe mais de 1%

O dia foi de ganhos expressivos na praça lisboeta, com a EDP Renováveis, Galp Energia e Jerónimo Martins a subirem mais de 2%. Lisboa acompanhou ganhos da Europa.

A bolsa nacional terminou o dia em alta, prolongando os ganhos da última sessão. A praça lisboeta destaca-se entre as congéneres europeias, que, na generalidade, registaram ganhos ligeiros, ao somar mais de 1%. O desempenho da bolsa de Lisboa foi impulsionado pelas cotadas do setor da energia, num dia em que várias cotadas têm valorizações de 2%.

O índice de referência na praça portuguesa, o PSI-20, somou 1,22% para 5.123,67 pontos. Entre as 18 cotadas, a grande maioria fechou a sessão desta terça-feira em “terreno” verde, enquanto oito registaram perdas.

Nesta sessão, sobressai o desempenho da Jerónimo Martins. Os títulos da retalhista subiram 2,20% para os 17,615 euros, atingindo assim máximos de fevereiro de 2018.

Jerónimo Martins atinge máximos de três anos e meio

Já a liderar os ganhos encontra-se a EDP Renováveis, que subiu 2,57% para os 20,78 euros, numa sessão em que a casa-mãe EDP avançou 0,57% para os 4,46 euros. Destaque também para a Galp Energia, com ganhos de 2,35% para os 8,46 euros, e para a REN, que valorizou 1,27% para os 2,39 euros.

Nota ainda para a Corticeira Amorim, que avançou 2,40% para os 11,08 euros. A empresa revelou, após o fecho dos mercados, que terminou o primeiro semestre com um lucro de 39,4 milhões de euros e com vendas de 433,3 milhões de euros. Estes resultados representam uma melhoria face ao ano passado, com as vendas a superarem até o mesmo período de 2019.

Por outro lado, em “terreno” vermelho, encontra-se a Novabase, que recuou 1,86% para os 4,76 euros, e a Sonae, que perdeu 0,66% para os 0,8245 euros. A empresa anunciou, esta segunda-feira, um acordo com a CVC Strategic Opportunities para a venda por 528 milhões de euros de uma posição minoritária de 24,99% na Sonae MC.

Pelo Velho Continente, a generalidade das praças registou ganhos ligeiros, com o pan-europeu Stoxx 600 a subir 0,2%. O francês CAC 40 avançou 0,7%, o espanhol IBEX ganhou 0,3% e o britânico FTSE 100 somou 0,4%, enquanto o alemão DAX caiu 0,1%.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Energia e Jerónimo Martins dão gás à bolsa de Lisboa. PSI-20 sobe mais de 1%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião