EUA poderão autorizar vacina da Pfizer para crianças entre 5 e 11 anos em outubro

  • ECO
  • 11 Setembro 2021

Pfizer deverá pedir ao regulador americano o uso de emergência da vacina contra a Covid-19 em crianças entre 5 e 11 anos até final do mês.

As autoridades de saúde norte-americanas acreditam que a vacina da Pfizer contra a Covid-19 pode ser autorizada para as crianças com idades entre os 5 e os 11 anos até final de outubro, segundo avança a agência Reuters.

Este calendário tem por base a expectativa de que a Pfizer, que está a desenvolver a vacina com a BioNTech, terá dados dos ensaios clínicos suficientes para pedir uma autorização para uso de emergência para aquela faixa etária junto da Food and Drug Administration (FDA) dos EUA até final deste mês, revelaram duas fontes citadas pela agência.

Assim, é expectável que a autoridade dos medicamentos nos EUA possa tomar uma decisão sobre se a vacina é segura e eficaz nas crianças em três semanas após a submissão do pedido, de acordo com as mesmas fontes.

A decisão é aguarda com expectativa, sobretudo junto dos pais cujos filhos regressaram à escola nas últimas semanas, numa altura em que os casos continuam a causa preocupação devido à variante Delta.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

EUA poderão autorizar vacina da Pfizer para crianças entre 5 e 11 anos em outubro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião