Nas notícias lá fora: Evergrande, preço do gás e Google

  • ECO
  • 22 Setembro 2021

A imobiliária chinesa Evergrande já tem planos para evitar o incumprimento de uma das suas dívidas. A subida do preço do gás na UE pode limitar a transição verde do bloco.

A segunda maior empresa imobiliária da China em vendas diz ter chegado a acordo com os detentores de obrigações para evitar o incumprimento de uma das suas dívidas na quinta-feira, mas ainda não apresentou planos sobre outros reembolsos previstos para o mesmo dia. Em Espanha, os funcionários públicos vão ver os seus salários aumentar em 2% em 2022. A União Europeia pode ver os seus planos para a transição verde caírem por terra devido à escalada dos preços do gás e da eletricidade. Conheça estas e outras notícias que marcam a atualidade internacional.

Bloomberg

Evergrande chega a acordo para evitar incumprimento de uma das suas dívidas

O gigante imobiliário chinês Evergrande disse ter chegado a um acordo com os detentores de obrigações para evitar o incumprimento de uma das suas dívidas. Num comunicado à Bolsa de Shenzhen, no sul da China, o grupo, que está sobrecarregado com cerca de 260 mil milhões de euros de dívida, disse que uma das suas filiais, Hengda Real Estate, tinha negociado um plano de pagamento de juros sobre uma obrigação com vencimento em 2025. Evergrande reembolsaria 232 milhões de yuan (30,5 milhões de euros) da dívida devida na quinta-feira sobre a obrigação de 5,8%, que se destina ao mercado obrigacionista doméstico. Mas outros reembolsos são devidos na quinta-feira e o grupo ainda não disse como planeia cumpri-los.

Leia a notícia completa na Bloomberg (acesso condicionado, conteúdo em inglês)

Expansión

Governo espanhol prepara-se para aumentar os funcionários públicos em 2%

O Governo espanhol vai aumentar os salários dos funcionários públicos em 2% em 2022, acima da atualização de 0,9% realizada em 2021. Esta subida dos salários está ao nível do que tinha sido acordado para 2020 antes do início da pandemia. O Expansión escreve que é isso que se depreende do aumento salarial de 2% previsto no Orçamento do Estado que foi apresentado esta terça-feira pela vice-presidente e ministra dos Assuntos Económicos e Transformação Digital, Nadia Calviño.

Leia a notícia completa no Expansión (acesso pago, conteúdo em espanhol)

Financial Times

Aumento dos preços do gás pode limitar transição verde da UE

A subida dos custos do gás e da eletricidade – que afeta mais alguns países da União Europeia (UE) do que outros – corre o risco de limitar as ambiciosas políticas verdes do bloco. Os ministros da Energia dos 27 Estados-membros reúnem-se esta quarta-feira pela primeira vez desde que os preços começaram a agravar-se nas últimas semanas.

Leia a notícia completa no Financial Times (acesso condicionado, conteúdo em inglês)

Fortune

Google vai comprar o Terminal St. John em Nova Iorque para o seu ‘campus’

A Google está a planear comprar o espaço do terminal nova-iorquino de St. John, por 2,1 mil milhões de dólares (1,8 mil milhões de euros), para o tornar a âncora do seu ‘campus’ no quarteirão do Hudson. O anúncio foi feito num momento em que a cidade ainda está sob os condicionalismos da pandemia do novo coronavírus e a maioria dos escritórios vazios. Enquanto o presidente executivo do conglomerado empresarial tecnológico, Sundar Pichai, escreveu em mensagem de blogue que a Google ia adiar o seu regresso geral aos escritórios até 10 de janeiro, o compromisso anunciado de novos investimentos em Nova Iorque foi saudado pela governadora Kathy Hochul e pelo presidente da autarquia, Bill De Blasio, que o consideraram “uma das injeções no braço que se estava a precisar como parte do nosso regresso”.

Leia a notícia completa na Fortune (acesso livre, conteúdo em inglês)

Folha de S. Paulo

Ministro da Saúde do Brasil testa positivo e fica em isolamento nos EUA

O ministro da Saúde brasileiro testou positivo à Covid-19 durante a viagem a Nova Iorque, onde marcou presença na assembleia geral das Nações Unidas, e vai ficar em isolamento naquela cidade norte-americana. “O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que integrava a Comitiva Presidencial a Nova Iorque (EUA), testou positivo para a Covid-19 e permanecerá nos Estados Unidos durante o período de isolamento. O ministro passa bem”, informou a Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) da Presidência brasileira em comunicado, na terça-feira. A Secom informou ainda que os demais integrantes da comitiva realizaram o exame e “testaram negativo para a doença”. Queiroga teve encontros com o primeiro-ministro britânico e com o Presidente dos Estados Unidos.

Leia a notícia completa na Folha de S. Paulo (acesso livre)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nas notícias lá fora: Evergrande, preço do gás e Google

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião