Drones 5G vão facilitar manobras no Porto de Leixões

  • ECO
  • 14 Outubro 2021

A Nos e a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo juntaram-se para criar o primeiro porto em Portugal coberto pela rede 5G.

O Porto de Leixões é o primeiro no país a estar integralmente coberto pela rede 5G, numa parceria entre a operadora de telecomunicações Nos e a Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL).

O Porto de Leixões vai recorrer a drones 5G para monitorizar as manobras mais complexas, de forma a aumentar a eficiência e segurança, reduzindo o risco de acidentes. Através de câmaras instaladas nos drones, a sala de controlo e nos próprios pilotos serão capazes de acompanhar as manobras em tempo real.

Os drones poderão ainda ser equipados com sensores ambientais, de ruído e qualidade do ar, capazes de medir os impactos de cada operação em tempo real e diretamente no local. O Porto de Leixões movimentou cerca de 17,1 milhões de toneladas em 2020, um crescimento de 2,6% face a 2019.

O uso da tecnologia não ficará por aqui. “As equipas da NOS e da APDL estão igualmente a estudar a melhor forma de tirar partido da realidade aumentada e tecnologia de gémeo digital para tornar os processos de manutenção de maquinaria e logística mais eficientes, implementando IOT de sensorização para saber em tempo real a localização e estado de todos os ativos”, adianta a operadora em comunicado.

“Graças às soluções baseadas em 5G que estamos a implementar, o Porto de Leixões, uma das mais relevantes infraestruturas nacionais, poderá reforçar a sua posição competitiva, não apenas no contexto ibérico mas também europeu”, afirma Manuel Ramalho Eanes, Administrador Executivo da Nos.

Para Nuno Araújo, presidente do conselho de administração da APDL, “a tecnologia é provavelmente o fator de competitividade mais relevante para uma infraestrutura como a nossa. Pretendemos levar a cabo as nossas operações da forma mais rápida possível, mais segura e com maior eficiência. Por isso, para o Porto de Leixões é absolutamente crítico a utilização de tecnologias inovadoras como o 5G, de forma a potenciar o nosso processo de transformação digital e assim incrementar a nossa produtividade e melhorar o nosso posicionamento”.

Matosinhos tem sido palco de várias iniciativas pioneiras no 5G, depois de a Nos, em parceira com a Huawei, ter instalado uma coberta da nova geração de redes móveis na cidade. No final de setembro foi assinado um protocolo de colaboração entre a Escola Secundária João Gonçalves Zarco, em Matosinhos, a empresa de tecnologia Ericsson e a Nos para desenvolver projetos através da rede 5G.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Drones 5G vão facilitar manobras no Porto de Leixões

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião