Nove países europeus opõem-se à reforma do mercado da eletricidade

  • ECO
  • 25 Outubro 2021

Áustria, Alemanha, Dinamarca, Estónia, Finlândia, Irlanda, Luxemburgo, Letónia e Países Baixos estão contra uma reforma no mercado de eletricidade na União Europeia.

Há nove países europeus que não apoiam uma reforma no mercado de eletricidade na União Europeia (UE), avança a Bloomberg (conteúdo em inglês).

Em causa está a Áustria, Alemanha, Dinamarca, Estónia, Finlândia, Irlanda, Luxemburgo, Letónia e Países Baixos que justificam a decisão por não poderem apoiar “nenhuma medida que entre em conflito com o mercado interno de gás e eletricidade”, apontam, em comunicado conjunto. Estes países defendem que se deve apostar em medidas para economizar a energia e numa meta de 15% da interconexão do mercado de eletricidade da UE até 2030.

A subida em flecha dos preços do gás natural está a arrastar consigo os preços da eletricidade à medida que os combustíveis aumentam também, num contexto de crescimento da procura, com a retoma da atividade económica.

Nesse contexto, estes nove países alertam que Bruxelas deve ter “muito cuidado antes de interferir no desenho interno dos mercados internos de energia”. Isso não será um remédio para mitigar os atuais preços crescentes da energia associados aos mercados de combustíveis fósseis”, sublinham.

Os ministros da Energia dos países pertencentes à UE vão reunir-se de emergência na terça-feira, para discutir as propostas para travar os aumentos de energia.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nove países europeus opõem-se à reforma do mercado da eletricidade

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião