Fábrica 2030: Como é que vamos pôr o país a crescer?

  • ECO
  • 13 Dezembro 2021

A 4ª edição da Fabrica 2030 vai discutir o país e os caminhos para o crescimento económico. Acompanhe online no dia 14 de dezembro, a partir das 9h.

Nas duas últimas décadas, Portugal perdeu posições no ranking da União Europeia em termos de PIB per capita em paridade de poder de compra e no ano da pandemia – 2020 – a recessão foi superior a 8%. Como é que podemos sair deste ponto?

No contexto da recuperação da economia internacional, e com novos instrumentos financeiros à disposição das empresas portuguesas, como a ‘bazuca’ e as perspetivas financeiras 20/30, as decisões que foram tomadas agora, por decisores políticos e por decisores empresariais, vão determinar o nível de bem-estar dos portugueses no final da década que agora está a começar, e até o que serão as oportunidades das próximas gerações.

A convergência económica de Portugal em função da média de crescimento da União Europeia e da Zona euro servirá de pouco se a economia portuguesa continuar a ser ultrapassada pelos países que têm o mesmo nível de desenvolvimento económico e social. As políticas têm de mudar para se atingirem resultados diferentes daqueles que foram registados nos últimos vinte anos.

Como é que vamos pôr o país a crescer?” É este o mote da conferência Fábrica 2030, que junta decisores, empresários e gestores, e que ganha uma particular relevância no contexto político do pais. Qual é o papel do Estado na promoção da produtividade e competitividade das empresas e da economia? A ‘bazuca’ europeia é um risco ou uma oportunidade? Quais devem ser as prioridades das empresas? Como se retém talento? E como se promove investimento empresarial?

Estas são algumas das questões que serão debatidas nesta 4ª edição da Fabrica 2030, a realizar no dia 14 de dezembro, das 9h às 13h, e que pode acompanhar no site dedicado à conferência e no Facebook do ECO. Adicione ao seu calendário Google ou Outlook para ser notificado.

A conferência anual do ECO conta nesta edição com o apoio da Altice Portugal, EDP, EY, PLMJ, REN e Santander.

Programa

Saiba mais aqui.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Fábrica 2030: Como é que vamos pôr o país a crescer?

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião