Morreu o jornalista e apresentador Artur Albarran

  • Lusa
  • 15 Fevereiro 2022

O antigo jornalista e apresentador de televisão Artur Albarran morreu esta terça-feira ao final da tarde, aos 69 anos. Estava internado no Hospital São Francisco Xavier.

O antigo jornalista e apresentador de televisão Artur Albarran morreu esta terça-feira ao final da tarde, aos 69 anos, disse hoje à Lusa um amigo. Estava internado no Hospital São Francisco Xavier.

Nascido em 16 de janeiro de 1953, Artur Albarran começou a carreira no Rádio Clube de Moçambique, tendo ainda passado pelo Rádio Clube Português antes de ingressar na RTP em 1980. O antigo jornalista chegou também a trabalhar na televisão pública britânica BBC.

Na RTP, Artur Albarran fez parte da equipa fundadora do programa “Grande Reportagem”, destacando-se como enviado especial à Guerra do Golfo, no início de 1991.

Como repórter de guerra, acompanhou ainda o conflito na Somália, a partir de dezembro de 1992, quando as forças norte-americanas entraram naquele país africano para tentar pôr fim à guerra civil.

Artur Albarran assumiu ainda a direção do jornal “O Século Ilustrado”, tendo sido apresentador na TVI, em 1993.

Em 1996, o comunicador mudou-se para a SIC, onde apresentou programas como “A Cadeira do Poder” (1997), “Imagens Reais” e “Acorrentados” (2001).

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Morreu o jornalista e apresentador Artur Albarran

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião