TAP retoma todas as rotas que tinha para o Brasil antes da pandemia

  • ECO
  • 4 Abril 2022

Com Porto Alegre, a companhia aérea retoma as 13 rotas que tinha para o Brasil antes da covid-19. Atlântico Sul e Central representava mais de um quarto das receitas em 2019.

A TAP retomou no dia 29 de março os voos para Porto Alegre, com três frequências por semana, repondo a operação para todos os destinos brasileiros para onde voava antes da pandemia, informa a companhia em comunicado.

No total são agora 11 as cidades do Brasil (13 rotas) que a TAP passa a ligar a Portugal, num total de 73 voos por semana. São elas São Paulo, Rio de Janeiro, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Natal, Maceió, Porto Alegre, Recife e Salvador, com voos diretos para Lisboa. O Porto tem ligações diretas a São Paulo e Rio de Janeiro.

O Atlântico Sul e Central era o segundo maior mercado da companhia portuguesa em 2019, antes da pandemia, representando 26,1% das receitas. A Europa era o primeiro, com 40,9%.

A CEO da TAP, Christine Ourmières-Widener, esteve em Porto Alegre, onde reuniu com autoridades locais e estaduais, para assinalar a retoma das rotas que existiam antes da pandemia. A ligação entre Lisboa e a capital do estado do Rio Grande do Sul passa a ser a segunda mais extensa da companhia, depois de São Francisco.

A TAP associou-se também às comemorações do centenário da Travessia do Atlântico Sul de Gago Coutinho e Sacadura Cabral batizando, durante o ano de 2022, um dos seus aviões com o nome “Santa Cruz”.

Um A330-900 recebeu o nome do último Fairey III que a dupla usou para chegar ao Rio de Janeiro há 100 anos e está decorado também com a Cruz de Cristo usada na viagem do comandante Artur Sacadura Freire Cabral e do almirante Carlos Viegas Gago Coutinho, que começou a 30 março de 1922.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

TAP retoma todas as rotas que tinha para o Brasil antes da pandemia

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião