Petróleo desvaloriza mais de 1% no arranque da semana

Os investidores aproveitam para realizar ganhos após uma subida dos preços do "ouro negro" na sessão anterior.

As cotações do petróleo nos mercados internacionais estão a cair no arranque desta semana. No início da sessão desta segunda-feira, os investidores aproveitam para realizar ganhos após uma subida dos preços do “ouro negro” na sessão anterior.

A valorização ocorreu devido ao futuro corte da União Europeia ao crude russo e a limitada subida da produção dos países da OPEP (Organização dos Países Exportadores de Petróleo).

A cotação do Brent do Mar, negociado em Londres, está a desvalorizar 1,5% para os 109,89 dólares por barril. Este é o que serve de referência para as importações portuguesas.

Já o WTI (West Texas Intermediate), negociado em Nova Iorque, desliza 1,4% para os 108,94 dólares por barril. O WTI chegou a subir mais de 1% no início desta sessão, chegando ao valor mais elevado desde 28 de março (111,71 dólares).

Ambos tinham subido cerca de 4% na sexta-feira passada devido ao futuro corte da União Europeia ao crude russo e a limitada subida da produção dos países da OPEP.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Petróleo desvaloriza mais de 1% no arranque da semana

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião