Tensões aumentam entre Bezos e Biden em discussão sobre inflação

Enquanto o presidente Joe Biden defende impostos sobre as empresas mais ricas, o fundador da Amazon critica as políticas da administração para combater a inflação.

O presidente dos Estados Unidos e o segundo homem mais rico do mundo estão envolvidos numa guerra de palavras, com críticas a serem lançadas sobre como lidar com a inflação que se vive atualmente. Jeff Bezos argumenta que as políticas de Joe Biden trazem riscos de alimentar o aumento de preços, enquanto o Presidente defende impostos sobre as empresas mais ricas.

A troca começou na sexta-feira, quando Biden escreveu no Twitter “quer baixar a inflação? Vamos garantir que as empresas mais ricas pagam a sua parte justa”. Bezos respondeu ao tweet acusando o Presidente norte-americano de “desorientação”, argumentando que não há ligação entre inflação e impostos corporativos.

O fundador da Amazon lançou críticas à abordagem do governo Biden à inflação, apontando que o Plano de Resgate Americano que Biden assinou em março passado contribuiu para um aumento na inflação. A Casa Branca acabou por responder através de um comunicado do porta-voz Andrew Bates, que diz que “não é necessário um grande salto para descobrir por que” Bezos se oporia à proposta de Biden de aumentar os impostos sobre os mais ricos e as empresas.

Além disso, Andrew Bates salientou que “não surpreende que este tweet venha depois de o presidente reunir com organizadores trabalhistas, incluindo funcionários da Amazon”, referindo-se aos esforços para formar sindicatos.

Bezos já voltou a responder, reiterando que a Casa Branca quer enlamear o tema e que os sindicatos “não estão a causar inflação, nem as pessoas mais ricas”.

“A administração fez o possível para adicionar outros 3,5 biliões de dólares aos gastos federais”, numa publicação no Twitter. “Eles falharam, mas se tivessem conseguido, a inflação seria ainda maior do que é hoje, e a inflação hoje está em máximos de 40 anos”, acrescentou Jeff Bezos.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Tensões aumentam entre Bezos e Biden em discussão sobre inflação

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião