Menos de 5% dos casos Covid foram reinfeções

  • ECO
  • 19 Maio 2022

4,65% das notificações entre 1 de junho de 2020 e 10 de maio de 2022 são relativas a casos de reinfeção, valores semelhantes aos registados a nível internacional.

Nos últimos dois anos, menos de 5% dos casos de covid registados foram relativos a reinfeções, indica o relatório publicado esta quinta-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). A prevalência de casos de reinfeção é mais elevada no período em que a variante Ómicron foi mais frequente.

Entre 1 de junho de 2020 e 10 de maio de 2022 foram registados 3.982.250 novos casos de Covid, dos quais 194.244 foram episódios de reinfeção, o equivalente a 4,65% do total, indicam os dados disponíveis. Estes valores são semelhantes aos registados a nível internacional, refere a DGS.

Durante o período de maior prevalência da variante Delta (que se estima ter alcançado uma frequência relativa de 50% na semana de 7 a 13 de junho de 2021), a percentagem diária de reinfeções foi, em média, de 1,91%. A partir do momento em que se estima que a variante Ómicron se tenha tornado mais prevalente (semana de 20 a 26 de dezembro de 2021), a percentagem diária de reinfeções foi, em média, de 6,05%.

“A prevalência de casos de reinfeção é mais elevada no período em que a variante Ómicron é mais frequente, com uma proporção de 6,10%, superando a proporção de cerca de 2% no período em que as variantes Delta e Alfa eram mais frequentes, e de apenas 0,35% no período da variante original (wild-type) identificada em Wuhan (China)”, lê-se no relatório.

Num comunicado enviado esta quinta-feira, a DGS refere que os relatórios e publicações de monitorização da pandemia vão passar a incluir os dados relativos a reinfeções. “Sabe-se que o risco de infeção é menor entre as pessoas com dose de reforço”.

(Notícia em atualização)

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Menos de 5% dos casos Covid foram reinfeções

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião