Temores da inflação continuam a abalar Wall Street

Índices de Nova Iorque estão a cotar em terreno negativo. Wall Street prepara-se para o pior primeiro semestre em décadas.

Os principais índices de Nova Iorque estão a cotar em terreno negativo na primeira sessão da semana, com Wall Street a preparar-se para o pior primeiro semestre em décadas. Os receios com a inflação e as expectativas quanto à política da Reserva Federal norte-americana (Fed) continuam a preocupar os investidores.

O S&P 500 está a cair 0,4% para 3.895,98 pontos, acompanhado pelo industrial Dow Jones que recua 0,14% para 31.455,80 pontos. Pelo mesmo caminho segue o tecnológico Nasdaq ao desvalorizar 0,84% para 11.511,48 pontos.

Este desempenho das ações dos Estados Unidos acontece após uma grande recuperação na semana passada em relação aos declínios acentuados este ano. Wall Street está a preparar-se para encerrar o pior primeiro semestre para as ações em décadas, diz a CNBC.

“As preocupações que fizeram com que o índice [S&P 500] caísse no início de junho não desapareceram — incluindo as preocupações com o ritmo dos aumentos das taxas [de juro], a ameaça de recessão e os riscos políticos”, diz Christopher Swann, estrategista de ações da UBS, citado numa nota. “Embora o cenário único mais provável seja uma estabilização do mercado, o sentimento [dos investidores] provavelmente continuará instável“.

O setor energético está a brilhar esta segunda-feira, com empresas como a Devon, Valero e Occidental a subirem mais de 2%. As ações da BioNTech avançam 4,46% para 140,01 dólares, depois de a farmacêutica ter anunciado que a sua vacina contra a Ómicron é ainda mais eficiente. Enquanto isso, as ações da Spirit Airlines caíram 6,67% depois de a empresa ter dito que aceitaria a última oferta de aquisição do Frontier Group.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Temores da inflação continuam a abalar Wall Street

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião