TOP 20: Sabseg ultrapassa MDS como maior sociedade corretora em Portugal

  • ECO Seguros
  • 28 Junho 2022

Há uma mudança no ranking das sociedades corretoras. A Sabseg ultrapassou a MDS em volume de negócios. Seguramos cresceu mais em vendas e lucros. Veja as TOP20.

Ricardo Pinto dos Santos, CEO da MDS Portugal, o maior grupo, Miguel Machado, CEO da Sabseg, a maior corretora, e Mário Ramos, CEO da Seguramos, a sociedade de corretagem que mais cresceu em 2021.

A corretora de seguros Sabseg passou a ser a ser a maior sociedade corretora em Portugal, ultrapassando a MDS Corretor de Seguros SA em volume de negócios, atingindo uma faturação total de 31,42 milhões de euros. Este valor é superior em 1,4%, cerca de 420 mil euros, ao volume de negócios da MDS Corretor de Seguros.

Já a diferença no resultado líquido é expressiva. A Sabseg obteve um lucro superior a seis milhões de euros, enquanto a MDS não chegou aos dois milhões.

Ainda assim, enquanto Grupo, a MDS atingiu, só em Portugal e em 2021, receitas agregadas na corretagem e mediação de seguros no valor de 42,4 milhões de euros, um valor 13% superior aos 37,5 milhões obtidos em 2020. Ou seja, o grupo que agora é detido pelo grupo britânico Ardonagh considera as suas receitas adicionando a faturação de outras sociedades de mediação, garantindo a ECOseguros que não existem vendas recíprocas entre sociedades do grupo, o que torna esta adição numa consolidação de contas informal.

Já a Sabseg não apresenta contas adicionando participadas em mais de 50%, por isso assume-se em comunicado como “o maior corretor de seguros em Portugal”. Em 2021, incorporou duas mediadoras, mas detém posições importantes, por exemplo, em empresas de seguros em parceria com clubes desportivos que não estão refletidas nas contas Sabseg Corretor de Seguros.

As corretoras globais em Portugal conservaram as suas posições com uma aproximação da Marsh, quarta maior em Portugal à AON, terceira maior. A Verlingue, ex-Luso-Atlantica manteve a 5ª posição, mas a WTW (ex-Willis) subiu uma posição por troca com a Villas Boas ACP que sofreu uma redução de 8% na faturação, embora tenha crescido 4% nos lucros.

F.Rego (+4% vendas), Costa Duarte (+1%) e Melior (-5%) mantiveram os 8º, 9º e 10º lugares respetivamente, mas o grande salto classificativo, de 15º para 11º, aconteceu com a Seguramos. A corretora de Mário Ramos registou o maior crescimento do top20, mais 41% para 4,4 milhões de euros de vendas e mais que duplicando os resultados.

No sentido oposto a Verspieren, a finalizar a arrumação após a fusão da Mercator e da Credite-EGS, baixou vendas em 10% e perdeu 3 lugares para 14º enquanto Corbroker baixou a 16º lugar do ranking por ter registado uma quebra de 9% na faturação. A Sosel trocou de posição com a João Mata nos 12º e 13º lugar e a Universalis ganhou uma posição ao subir 16% a sua faturação.

Empremedia, Diagonal e Cegrel e Secose mantiveram-se nas últimas posições das 20 maiores entre 67 corretoras que atuam em Portugal.

Conjunto das TOP20 cresceu vendas e lucros acima dos 7%

Adicionando todas as contas as 20 maiores corretoras atingiram um volume de negócios de quase 180 milhões de euros, mais 7,7% que o obtido no primeiro ano de pandemia. Os resultados cresceram 7,1% para 28 milhões de euros.

Em relação à faturação, 9 das top 20 cresceram vendas acima da média, 4 decresceram negócio e 6 cresceram, mas abaixo da média das 20 maiores.

Já quanto a resultados líquidos, 7 subiram acima da média de 7,1%, 9 baixaram lucros e 3 aumentaram mas abaixo de média. Nenhuma das Top 20 apresentou prejuízos, todas registaram resultados líquidos confortavelmente positivos.

Veja aqui o ranking:

Notícia atualizada às 11h45 com dados da Secose.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

TOP 20: Sabseg ultrapassa MDS como maior sociedade corretora em Portugal

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião