Bolsas dos EUA fecham em alta após pior semestre em décadas

  • Joana Abrantes Gomes
  • 1 Julho 2022

Os três principais índices de Wall Street inverteram as perdas iniciais e terminaram o dia em território positivo, depois daquele que foi o pior primeiro semestre em décadas.

Depois de dias consecutivos de perdas, as bolsas norte-americanas encerraram a semana com ganhos a rondar 1%, invertendo a tendência negativa do início da sessão desta sexta-feira. Ainda assim, os investidores continuam receosos face à escalada da inflação, que poderá conduzir a economia dos EUA à recessão.

Na primeira sessão de julho, o índice de referência S&P 500 avançou 1,02%, para 3.824,16 pontos. O tecnológico Nasdaq ganhou 0,81%, para 11.117,52 pontos, e o industrial Dow Jones subiu 1%, para 31.083,90 pontos.

No entanto, em termos semanais, os três principais índices de Wall Street não escaparam às perdas: o S&P 500 caiu 2,21%, o Dow Jones perdeu 1,28% e o Nasdaq cedeu 4,13%, no acumulado.

Tim Ghriskey, estrategista sénior da Ingalls & Snyder, em Nova Iorque, afirmou à Reuters que a Reserva Federal “vai precisar de muito mais provas para mudar de ideias sobre a continuação da subida das taxas de juro”. “Ainda há muita incerteza sobre a economia e a inflação, apesar dos primeiros sinais de que a inflação pode ter atingido o seu pico”, acrescentou.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Bolsas dos EUA fecham em alta após pior semestre em décadas

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião