BRANDS' PESSOAS O papel dos RH: a opinião do area manager da zona centro da Adecco

  • Pessoas + Adecco
  • 6 Julho 2022

A forma como o departamento de RH é visto nas empresas tem vindo a mudar? Qual a sua importância para o mundo empresarial? Miguel Saúde, área manager da zona centro da Adecco, responde.

Miguel Saúde, area manager da zona centro da Adecco, reconhece que o papel dos departamentos de Recursos Humanos (RH) das empresas está a mudar. De acordo com o especialista, licenciado em sociologia pela Faculdade e Economia da Universidade de Coimbra, em muitos casos, são já encarados como business partners. Fizemos-lhe três questões sobre o papel dos RH nas empresas.

  1. Porque é que é tão importante o papel da empresa de Recursos Humanos (RH)?
    Há uma mudança de paradigma relativamente à forma como o departamento de RH das empresas é encarado pelos gestores que passaram, em muitos casos, a ser considerados como business partners. A ação do departamento passou a ser considerada ainda mais crítica para o negócio, num contexto de crescentes desafios na componente de atração e retenção de colaboradores. Tornou-se crucial para as empresas terem parceiros especialistas que os suportem nos desafios mencionados ou, em alguns casos, que permitam libertar o departamento de RH para ações de desenvolvimento críticas para a organização. Desta forma, as empresas de consultoria de RH também se tiveram de adaptar a esta realidade, na medida em que as motivações que levam uma empresa a recorrer aos seus serviços se modificaram também. A expetativa dos clientes é que abracemos um papel efetivo de consultora. Na nossa ação têm de estar pressupostas medidas que nos permitam recolher informação crítica, nomeadamente: qualidade do onboarding dos colaboradores; adaptação ao posto de trabalho; satisfação com o nosso acompanhamento; entrevistas de desvinculação, etc.; e a coordenação de ações corretivas com o cliente.
  2. O que torna um recrutamento eficaz e o que leva os candidatos a preferir uma consultora de RH?
    A eficácia do recrutamento afere-se quando todo o processo decorre para garantir o match entre aquilo que são as expetativas do cliente e do candidato. Na Adecco, preconizamos que os nossos profissionais de recrutamento e seleção obtenham o máximo de informação possível sobre determinado posto de trabalho (clima social, condições físicas, estilo de management, funções, qualificações) para reduzir a margem de erro que poderá ocorrer neste ‘jogo’ de expetativas. Mas de nada servirá se, enquanto empresa RH, eu não tiver a credibilidade e a capacidade para atrair os melhores candidatos e colaboradores. E esta fiabilidade só é garantida pelas empresas de RH com procedimentos e regras muito claras e transparentes no que diz respeito à interação com o referido público. Garantir canais de comunicação eficientes para responder/resolver as suas questões, promover a comunicação atempada em toda a jornada do candidato na sua relação com a empresa de RH, sermos rigorosos no cumprimento das nossas obrigações enquanto entidade patronal e consultora, sermos atenciosos e recetivos quer nas nossas instalações físicas quer remotamente.
  3. Quais os fatores de diferenciação da consultora no mercado?
    Os fatores de diferenciação da Adecco no mercado são o reflexo de uma cultura organizacional bastante enraizada, tendo como pedras basilares: o trabalho de equipa, a complementaridade e interdisciplinaridade, melhoramento contínuo de processos, rigor na aplicação de procedimentos e legislação. Estes pressupostos têm como objetivo uma completa orientação dos nossos profissionais internos para os colaboradores, candidatos e clientes com o principal objetivo de encontrar as skills certas entre candidatos e clientes. Um serviço de excelência não se decreta numa brochura comercial ou num discurso mais ou menos trabalhado de um representante comercial. Este é o resultado de um trabalho consolidado, disciplinado sob o chapéu dos valores certos até ao ponto que qualquer elemento que integre a equipa se veja rapidamente imerso nesta cultura. É, no entanto, importante consubstanciar esta diferenciação na perspetiva dos nossos clientes, colaboradores e candidatos. Uma das características mais importantes é a preocupação com a proximidade, demonstrado na nossa rede alargada de agências e estruturas on site, que visa um acompanhamento desejavelmente presencial, que envolve conhecimento da realidade local, indispensável para a apresentação de soluções adaptadas. A nossa orientação para o cliente, colaboradores e candidatos é exatamente o resultado desta interação direta proporcionada pela nossa abrangência física. Outro atributo é o portefólio de soluções, revelando a Adecco como uma ‘one stop shop’, onde o cliente pode obter soluções transversais para os seus desafios e os candidatos podem esperar soluções de trabalho ecléticas. Por fim, salientaria a preocupação com o diagnóstico contínuo, utilizando um conjunto de ferramentas que nos permitem apurar métricas críticas para a avaliação do nosso desempenho com o rigor que preconizamos na preparação imediata dos respetivos planos de ação.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

O papel dos RH: a opinião do area manager da zona centro da Adecco

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião