Diversidade

Portugal caiu seis posições no relatório Mastercard Index of Women Entrepreneurs 2020. Ranking que avalia os melhores países para mulheres empresárias é, pela primeira vez, liderado por Israel.

A Zurich anunciou os cargos de topo com opções de part-time ou trabalho flexível e as candidaturas femininas aumentaram 20%. A flexibilidade também acabou por atrair mais homens, revela a seguradora.