Lisboa acompanha perdas da Europa, com Greenvolt a cair perto de 3%

  • Joana Abrantes Gomes
  • 19 Agosto 2022

Na última sessão da semana, a Altri foi a única cotada a avançar mais de 1%, enquanto a empresa liderada por João Manso Neto desvalorizou 2,78%.

O principal índice da bolsa de Lisboa encerrou a semana em terreno negativo, acompanhando o comportamento das congéneres europeias. O avanço de quase 1,5% da Altri não foi suficiente para conter as perdas nos setores da energia limpa e da banca.

Esta sexta-feira, o PSI caiu 0,10%, para 6.263,53 pontos, com sete cotadas em terreno positivo, uma inalterada (Navigator) e outras sete abaixo da “linha de água”.

A Altri destacou-se pela positiva, ao valorizar 1,45%, para 5,945 euros por ação, logo seguida da NOS e da concorrente Semapa, que avançaram 0,86% e 0,83%, respetivamente.

Num momento em que os preços do petróleo estão a subir na ordem dos 0,8%, a Galp registou ganhos ligeiros de 0,19%, com cada título a cotar nos 10,8 euros.

A penalizar o desempenho da praça lisboeta esteve, sobretudo, a Greenvolt. A empresa liderada por João Manso Neto perdeu 2,78%, cotando em 10,5 euros por ação.

Entre as cotadas em terreno negativo ficou também o Banco Comercial Português (BCP), ao recuar 1,66%, bem como a Corticeira Amorim e os CTT, com quedas, respetivamente, de 0,95% e 0,91%.

Ainda assim, o desempenho da maioria das principais bolsas da Europa foi pior que o do PSI. O índice Stoxx 600, que reúne as 600 maiores cotadas europeias, perdeu 0,8%, o francês CAC-40 desvalorizou 1%, o alemão DAX cedeu 1,2% e o espanhol IBEX-35 caiu 1,5%. O britânico FTSE 100 manteve-se inalterado.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Lisboa acompanha perdas da Europa, com Greenvolt a cair perto de 3%

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião