• Entrevista por:
  • António Ferreira

Nuno David (Una Seguros): apostar nos Distribuidores como fontes de conhecimento

A Una Seguros aumentou capital em 30 milhões de euros, incorporou tecnologia e mais pessoas para ser “mais ágil na resposta às alterações de mercado."

Nuno David, CEO da UNA Seguros: “O segmento Não Vida destacou-se com um crescimento de 45%, sendo que no segmento Vida crescemos 16%”.

A UNA Seguros cresceu 45% este ano no ramo não Vida e quer manter o ritmo em 2022. ECOseguros entrevistou Nuno David, CEO da Una Seguros.

Como caracteriza a resposta da Una aos desafios trazidos pela pandemia?

A UNA é uma seguradora generalista, orientada tanto para o negócio de particulares como de empresas, cada um com as suas necessidades e especificidades. Sem dúvida que a pandemia foi um grande impulsionador de mudanças, começando pelas relações laborais. Superar a barreira do distanciamento obrigou que as equipas saíssem das suas zonas de conforto.

Já havíamos iniciado um importante processo de transformação tecnológica, o que por si só já iria obrigar a mudanças na empresa e na sua oferta. A pandemia veio acelerar este processo interno de reanálise. Num cenário tão desafiante, reforçámos a aposta em relações de proximidade com os nossos distribuidores, que são uma das principais fontes de conhecimento da UNA. Fruto deste conhecimento, lançámos novas soluções de proteção, sendo de destacar o novo seguro multirriscos habitação – O UnaLar –, o aumento das coberturas do nosso seguro de saúde e um ajuste das soluções para o segmento empresarial.

"a UNA Seguros procedeu a um aumento de capital de 30 milhões de euros, integralmente realizado em dinheiro, tendo reforçado os rácios de solvência em vida para 204.5%”

Nuno David

CEO, Una Seguros

Em termos da atividade, como foi o desempenho da Una em 2021?

Tanto o segmento Vida como o segmento não Vida cresceram a um ritmo muito sólido em 2021. No entanto, o segmento Não Vida destacou-se com um crescimento de 45%, sendo que no segmento Vida crescemos 16%. O crescimento Vida refletiu uma opção estratégia de abrandamento na comercialização de produtos financeiros por parte da Companhia.

A Una realizou aumento de capital em contexto de pandemia. Qual foi o montante e a razão do reforço?

O plano de investimento do nosso acionista tem objetivos de crescimento muito ambiciosos nos vários segmentos onde a companhia opera. Na linha deste plano, a UNA Seguros procedeu a um aumento de capital de 30 milhões de euros, integralmente realizado em dinheiro, tendo reforçado os rácios de solvência em vida para 204.5%. Assim, a companhia está melhor preparada para responder aos objetivos de crescimento do seu acionista, garantindo muito bons níveis de segurança aos seus clientes.

A operação financeira redefiniu de alguma forma a relação com a China Tianying (CNTY)?

O aumento de capital está em linha com os planos de investimento do nosso acionista e demonstra o compromisso da CNTY com a estratégia de crescimento delineada para a UNA Seguros e em nada altera a organização e a estrutura acionista da UNA, dado que a CNTY mantém-se como acionista única da UNA Seguros.

Ao nível tecnológico, a UNA implementou uma nova plataforma. O processo está concluído?

O programa de transformação digital da UNA está assente em dois elementos base: na adoção do RIFT, um novo sistema core que assegura todas as componentes de ciclo de vida de gestão as apólices desde a simulação até à gestão de sinistros e na adoção de uma solução de comunicação assente em Outsystems, que engloba todos os canais de comunicação com clientes e parceiros que permite complementar e simplificar os processos de negócio e potenciar a partilha de informação, tornando a companhia mais ágil na resposta às alterações de mercado.

O processo de implementação de ambas plataformas está em conclusão, estando em processo de migração de produtos para o novo sistema.

"A ambição, patente no nosso plano de investimentos para 2022, é manter níveis de crescimento acima de dois dígitos.”

Nuno David

CEO, Una Sgeuros

Na abordagem ao cliente digital, como se faz a retenção de clientes?

Num contexto em que as soluções de seguros apresentam muitas semelhanças, a qualidade de serviço, a conveniência de relação e a simplificação de processos são fator crítico de diferenciação e de retenção, em especial no momento do tratamento de sinistros.

A implementação de um novo sistema core e os desenvolvimentos tecnológicos a ela associados vieram permitir uma desejada desmaterialização de processos e uma maior disponibilização de serviços digitais. O foco está em dotar os nossos Clientes dos meios que lhes permitem agilizar a sua relação com a companhia em todo o processo. Destacamos o momento do aconselhamento, com a disponibilização de um Blog com sugestões e dicas muito úteis, a assinatura digital de propostas de seguro e a disponibilização de meios de pagamento convenientes, como o caso do MBWay.

Qual é o peso de cada canal de distribuição na estrutura de negócio?

A UNA privilegia a relação com os seus parceiros de distribuição, tanto agentes de seguros como corretores de seguros, acreditando que o seu contributo é fundamental no aconselhamento das melhores soluções e na qualidade de serviço prestado. Por esta razão, 100% do nosso negócio é assegurado pela rede de Agentes, que se focam essencialmente no segmento de particulares, e pela Corretagem, canal focado no negócio de empresas e benefícios para empregados. Embora a rede de agentes tenha crescido significativamente nos últimos dois anos, o canal de corretores é ainda responsável por mais de metade do volume de prémios da UNA.

Quantos colaboradores têm em Portugal. Como se distribuem pelas diferentes áreas da organização?

O plano ambicioso de crescimento da UNA, desde a aquisição pelo seu atual acionista tem sido suportado pela contratação de profissionais altamente qualificados e que fazem toda a diferença nas vidas dos seus clientes, tanto na área comercial como nas várias áreas corporativas de suporte, ao nível operacional, técnico e financeiro. Atualmente, a UNA conta com uma equipa de 121 colaboradores, um crescimento de 39% desde a entrada do novo acionista e apesar do contexto pandémico que atravessámos, demonstrando o compromisso no crescimento do negócio em Portugal.

Quais são as suas perspetivas para 2022 em termos de crescimento, incluindo internacional?

A ambição, patente no nosso plano de investimentos para 2022, é manter níveis de crescimento acima de dois dígitos. Por segmento, queremos manter o ritmo de crescimento em Não-Vida próximo do observado em 2021, perspetivando uma aceleração do crescimento no segmento Vida. A UNA está em negociações para a entrada noutros países e noutros setores financeiros que não o dos Seguros.

  • António Ferreira

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Nuno David (Una Seguros): apostar nos Distribuidores como fontes de conhecimento

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião