Crédito

O futuro imediato é marcado pela incerteza, sobretudo quanto à persistência da inflação, mas os especialistas não preveem, para já, o aumento das taxas de juro diretoras pelo Banco Central Europeu.

A eventual subida das Euribor agravaria o crédito à habitação, quando as famílias ainda recuperam da crise pandémica e enfrentam o aumento generalizado dos preços. Confira as contas dos economistas.