Pessoas

A liderar o ‘ranking’ surge Israel, com 38% de mulheres a ocupar lugar nos Conselhos Executivos de empresas do setor financeiro.

No mercado nacional desde o final de outubro, a empresa já conta com mais de 70 parceiros. Em duas semanas a empresa já ajudou a "salvar" 1.100 refeições.