IBM inaugura hoje Centro de Inovação Tecnológica em Viseu

  • Lusa
  • 6 Novembro 2016

Novo centro vai dedicar-se à prestação de serviços, numa primeira fase na área da banca, da distribuição, do retalho e das smart cities.

A IBM inaugura esta terça-feira o seu novo Centro de Inovação Tecnológica, em Viseu, numa altura em que já conta com aproximadamente 40 trabalhadores, dos 120 que espera vir a ter.

O presidente da IBM Portugal, António Raposo Lima, disse à agência Lusa que se trata de um centro gerido pela Softinsa (empresa do grupo), “com vocação para trabalhar com clientes nacionais e internacionais”.

“Irá dedicar-se à prestação de serviços, numa primeira fase na área da banca, da distribuição, do retalho e das smart cities (cidades inteligentes), tendo também como objetivo alargar o seu desenvolvimento a novas soluções, por exemplo no âmbito do mobile, cloud, cognitivo, entre outras”, explicou.

Neste âmbito, a IBM está à procura de profissionais das áreas de gestão, tecnologias de informação, engenharia informática ou eletrotécnica.

“Estimamos que, na sua plenitude, o centro venha a receber 120 profissionais”, frisou.

O Centro de Inovação Tecnológica da IBM, situado no Parque Industrial de Coimbrões, será inaugurado esta terça-feira de manhã pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Segundo António Raposo Lima, nesta fase inicial o centro tem “aproximadamente 40 colaboradores, incluindo profissionais em formação no Campus Softinsa, que se situa nas instalações do Instituto Politécnico de Viseu, onde a esmagadora maioria concluiu a sua formação”.

Estes profissionais têm formação em Gestão, Engenharia Informática, Engenharia Eletrotécnica e Engenharia Biomédica, entre outras áreas.

A escolha de Viseu teve a ver com o facto de ser uma cidade “estrategicamente localizada no centro de Portugal Continental, entre o Porto e Lisboa, e relativamente próxima de Salamanca, onde o grupo IBM dispõe de um centro que irá trabalhar em parceria” com o que vai ser inaugurado.

“A liderança, o envolvimento, o esforço incansável e o compromisso da Câmara Municipal, também na pessoa do seu presidente, fizeram claramente a diferença”, admitiu o responsável.

Por outro lado, o projeto “também só se tornou possível devido à articulação com o Instituto Politécnico de Viseu que o apoiou, desde o primeiro momento, e que está ativamente a suportar esta iniciativa, contribuindo com muitas das competências e dos recursos” necessários para o centro tecnológico, acrescentou.

Na opinião de António Raposo Lima, este novo investimento da IBM trará “muitos benefícios para a cidade de Viseu e para a região”.

Os benefícios “passarão sobretudo pela criação de emprego e retenção de talento, atração de novos investimentos, desenvolvimento de uma nova dinâmica económica e tecnológica para a região, combatendo a interioridade geográfica e contribuindo para reforçar a imagem de cidade do futuro, com aposta no digital e na criação de uma ecossistema de empreendedorismo forte para uma maior competitividade económica e social”, considerou.

O presidente da IBM Portugal fez votos para que Viseu “se torne ainda mais num polo tecnológico” e que este centro consiga “ajudar a colocar a cidade no mapa de Portugal e inclusive da Europa, também como uma cidade mais inteligente para um maior benefício dos seus cidadãos”.

“Desde 2008 que a IBM Corporation tem vindo a trabalhar para a construção de um planeta mais inteligente, onde se insere esta temática das ‘Smarter Cities’ ou cidades inteligentes”, recordou.

De acordo com António Raposo Lima, “os cidadãos exigem cada vez mais às suas cidades, procurando serviços de saúde mais personalizados, um sistema que lhes proporcione segurança nas ruas, um modelo educativo de qualidade e apoio social que vão desde a juventude até à velhice”.

Há também muitos líderes de cidades a considerarem que o único modelo possível de desenvolvimento “deve passar por serem capazes de aproveitar melhor os recursos” e “antecipar possíveis problemas”, acrescentou.

O presidente da autarquia, Almeida Henriques, considera que, “com este importante investimento, Viseu demonstra a sua atratividade e conquista um selo poderoso no domínio tecnológico”.

“Abre-se também aqui um ciclo de grande oportunidade para o desenvolvimento de Viseu como Smart City”, acrescentou.

Comentários ({{ total }})

IBM inaugura hoje Centro de Inovação Tecnológica em Viseu

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião