Gabriela Dias eleita vice-presidente do comité de governance da OCDE

A futura presidente da CMVM foi eleita vice-presidente do comité de corporate governance da OCDE, em representação de Portugal.

A futura líder da CMVM vai também ser a próxima vice-presidente do comité de corporate governance da OCDE. Gabriela Figueiredo dias, foi nomeada na passada terça-feira (15 de novembro), em Paris, para representar Portugal na equipa de gestão daquele organismo que tem como objetivo coordenar e monitorizar a implementação dos princípios de corporate governance nas sociedades cotadas dos países membros.

Gabriela Figueiredo, que ocupa atualmente ainda o cargo de vice-presidente do regulador do mercado acionista português, representa desde 2008 a CMVM e Portugal naquele organismo da OCDE. Em comunicado a CMVM explica que a nova presidente do regulador do mercado de capitais português colaborou nos trabalhos de revisão dos princípios do comité levados a cabo em 2014/2015 e que tem participado também ativamente nos processos de avaliação de candidaturas de países não-membros.

O comité conta com 35 membros permanentes e vários membros associados e convidados, onde se encontram países em fase de candidatura ou que têm a intenção de se candidatar, mas também membros institucionais, como o FMI, o Banco Mundial, a IOSCO, a ESMA, a EU, o BIAC e o TUAC.

Para além de Gabriela Figueiredo Dias, foi nomeado também o novo presidente do comité, o japonês Masato Kanda, bem como o outro vice-presidente, o norte-americano Bill Pelton.

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Gabriela Dias eleita vice-presidente do comité de governance da OCDE

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião