Inovação é crucial para empresas do Norte e Centro

Apesar dos obstáculos que enfrentam, os empresários portugueses do Norte e Centro elegem a inovação como sendo crucial para os seus negócios. Contudo, mais de metade não sabe o que é a indústria 4.0.

A inovação é crucial. Pelo menos é essa a opinião de 90% dos empresários do Norte e do Centro de Portugal. Apesar de quase dois terços não saberem o que é a indústria 4.0, não há dúvidas que a inovação tem de estar no seio do desenvolvimento dos seus negócios. Estes dados constam do inquérito da Norgarante, uma sociedade de garantia mútua que abrange essas zonas do país.

Ainda assim, a inovação também tem obstáculos. Os principais elencados pelos decisores empresariais da zona Norte e Centro do país são os custos associados, a falta de meios e o financiamento desses projetos disruptivos. Mas não só: também há falta de informação e “pouca apetência” para as questões de inovação e digitalização da economia, explica a presidente executiva da Norgarante, Teresa Duarte, em comunicado.

“O peso dos custos inerentes à inovação (34,2%), a falta de meios e recursos endógenos vocacionados para isso (27,5%), a dificuldade na obtenção de financiamento para investir nesta área (18,7%) e o desconhecimento das entidades aptas a apoiar as empresas inovadoras (11,7%)”, referem os resultados do inquérito da Norgarante.

Portanto, ainda falta um longo caminho até que a quarta revolução industrial comece nas empresas portuguesas. Qual é o problema dos empresários? Não se sentem “suficientemente preparados para operar num ambiente económico em que a tecnologia e a otimização dos processos digitais de criação, fabrico e gestão se constituem em fatores críticos de sucesso”, argumenta Teresa Duarte.

Apenas 7,7% dos inquiridos respondeu que a inovação não era crucial para a sua empresa. No inquérito participaram perto de 700 empresários, os quais estiveram presentes em quatro debates sob o tema “Portugal 4.0 – Rede de Inovação”. Esta foi a quinta edição dos Fóruns Norgarante.

Editado por Paulo Moutinho

Assine o ECO Premium

No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

De que forma? Assine o ECO Premium e tenha acesso a notícias exclusivas, à opinião que conta, às reportagens e especiais que mostram o outro lado da história e às newsletters ECO Insider e Novo Normal.

Esta assinatura é uma forma de apoiar o ECO e os seus jornalistas. A nossa contrapartida é o jornalismo independente, rigoroso e credível.

Comentários ({{ total }})

Inovação é crucial para empresas do Norte e Centro

Respostas a {{ screenParentAuthor }} ({{ totalReplies }})

{{ noCommentsLabel }}

Ainda ninguém comentou este artigo.

Promova a discussão dando a sua opinião